Releases

0
0
0
s2sdefault

As aulas nas 435 unidades de ensino da rede municipal ficam suspensas, a partir desta quarta-feira (18), conforme decreto publicado no Diário Oficial do Município (DOM), ontem (16). Embora as atividades do ano letivo estejam paralisadas nos próximos 15 dias, a comunicação entre pais e educadores permanece ativa. Com o objetivo de disseminar o máximo de informações e orientar as crianças e adolescentes sobre o coronavírus, a Secretaria Municipal da Educação (Smed) emitiu um comunicado circular com diretrizes do Guia da Unicef, listando oito pontos de orientações às famílias dos alunos para controle da Covid-19.

O documento foi entregue a todas as unidades de ensino e essas têm a responsabilidade de encaminhar aos responsáveis dos cerca de 140 mil estudantes matriculados na rede pública municipal. A circular visa esclarecer aspectos importantes sobre a prevenção para os alunos da educação infantil e de anos iniciais do ensino fundamental. “A escola é um canal de educação dentro da comunidade e tem papel social importante no fortalecimento dos vínculos entre as crianças e as famílias”, explicou a coordenadora de Inclusão Educacional e Transversalidade da Smed, Jaqueline Araújo.  

Segundo ela, o objetivo das informações é orientar os pais no processo de compreensão dos filhos. “A intenção é que as famílias tomem para si essa responsabilidade de proteger não apenas do ponto de vista físico, mas principalmente ofertar a segurança social e emocional. Temos que ajudar nossas crianças a passarem por esse momento tão difícil”, salientou Araújo.  

De acordo com o documento, baseado nos pilares da Unicef, o primeiro ponto é a iniciação de uma conversa, escutando o que a criança tem a dizer. O primeiro conselho é convidar a criança a falar do assunto, para perceber o que já sabe. Neste bate-papo, os pais devem aproveitar para lembrar sobre boas práticas de higiene, sem introduzir novos medos. Desenhos, histórias e outras atividades podem ajudar a abrir uma discussão.

O segundo tópico é ser honesto e ter cuidado com informação. As crianças têm direito a informações verdadeiras. Os pais devem usar uma linguagem apropriada para a idade, observe as reações e seja sensível ao seu nível de ansiedade, mas tendo em atenção que deve responder com informação fidedigna. Se não souber, nada de inventar. É importante explicar que algumas informações que circulam na internet ou em redes sociais não são precisas e que é melhor confiar nos especialistas.

Guia da Unicef – As demais dicas da Uinicef ressaltam ainda a importância de mostrar as crianças como proteger a si mesmo e aos amigos, além de estimular o processo lavar as mãos regularmente. A maneira de como tossir ou espirrar, protegendo a boca, assim como usar o cotovelo para abrir portas e torneiras também são práticas recomendadas.  

Os pais devem orientar as crianças a comunicar de imediato se começarem a sentir febre, tosse ou dificuldade em respirar. Os pais também precisam estar atentos ao conteúdo midiático. As crianças podem não distinguir entre imagens na televisão ou online e a própria realidade pessoal. Por isso, é recomendável que se ajude o menor a lidar com o estresse, criando oportunidades para brincadeiras sempre que possível. 

Outras medidas – Além da suspensão das aulas e envio dos comunicados aos pais e responsáveis, a Prefeitura adotou uma série de outras medidas. Entre elas, o envio de sugestões de atividades pedagógicas e a distribuição de cestas básicas para cada um dos estudantes da rede. A distribuição vai acontecer nas próprias unidades de ensino, conforme detalhamento a ser feito nos próximos dias pela Smed. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Como medida preventiva em função da pandemia Covid-19 e da preocupação com a disseminação do novo coronavírus, alguns serviços públicos de Salvador terão funcionamento alterado nos próximos dias. Por medida de segurança, a Arena Aquática, localizada na orla da Pituba, terá as aulas suspensas por 15 dias. O período de inatividade tem início nesta quarta-feira (18).

Os serviços sociais do Escritório Público, Minha Casa Minha Vida (MCMV) e Casa Legal, todos ofertados através da Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), também serão suspensos até a gestão municipal reavaliar a situação de Salvador no enfrentamento do vírus. Se houver alguma urgência nos serviços destas estruturas, os casos poderão ser solucionados com atendimento prévio através do telefone (71) 3202-4600.

Do mesmo modo, o Hub Salvador, localizado no Comércio, também não terá funcionamento nos próximos dias. Todas as atividades de aglomeração junto ao público externo, como visitas técnicas, happy hour e talks estão cancelados até o fim deste mês de março.

Ainda seguindo a recomendação da Prefeitura, o atendimento presencial da Ouvidoria Geral do Município (OGM) está suspensa. Os cidadãos poderão resolver as demandas com comodidade e segurança através do telefone gratuito 156, utilizando a opção 8 do menu disponível, ou pelo site www. fala. salvador. ba. gov. br.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

Como mais uma medida preventiva em virtude da pandemia do Covid-19, a Prefeitura irá diminuir o número de senhas distribuídas pelo Serviço Municipal de Intermediação de Mão de Obra (SIMM), nesta quarta-feira (18). A sede localizada na Rua Miguel Calmon, 506, no Comércio, disponibilizará apenas 50 senhas para atendimento ao público.

Os interessados deverão levar originais da Carteira de Trabalho (com o número do PIS, Pasep ou NIS), Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência e histórico escolar, para realização de cadastro de busca por vagas e de encaminhamento para entrevistas e seleções. As senhas são distribuídas por ordem de chegada, a partir das 6h30, e o horário de funcionamento será das 7h às 16h.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura, por meio da Secretária Municipal de Gestão (Semge), oficializou no Diário Oficial do Município (DOM) o processo seletivo simplificado para contratação de profissionais de saúde. Os profissionais serão contratados para desempenhar atividades pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), por tempo determinado, em Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), no período de 90 dias. As 52 vagas são distribuídas para técnico em laboratório, técnico em enfermagem e enfermeiro, visando compor equipes estratégicas nas ações de vacinação contra o sarampo e outras atividades.

As inscrições começaram nesta terça (17) e ficam abertas até às 23h59 do domingo (22). O candidato deve acessar o endereço eletrônico www. selecaosmsredasarampo032020. salvador. ba. gov. br, ler as instruções, preencher o formulário de inscrição completo e pagar o valor de inscrição que é de R$ 20 para as funções de técnico em laboratório e técnico em enfermagem, e de R$ 30 para a função de enfermeiro. 

Os requisitos para se candidatar às funções de técnico em laboratório e técnico em enfermagem são curso de nível médio completo com formação técnica na área e registro no respectivo conselho de classe. Na função de enfermeiro é necessário nível superior completo em Enfermagem e registro no conselho de classe.

As vagas são divididas, sendo duas para a função de técnico em laboratório, 30 na função de técnico em enfermagem e 20 para enfermeiro, respeitando o percentual de 5% para candidatos com deficiência e 30% para candidatos negros. A seleção é constituída por avaliação de títulos, única etapa de caráter classificatório. 

Os aprovados terão jornada de 40 horas semanais, remuneração que varia entre R$ 1.962,48 e R$ 3.924,98 e, a depender das situações, poderão receber adicional noturno e insalubridade. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A inspeção do transporte escolar, que visa garantir a segurança de crianças e adolescentes que fazem uso do serviço em Salvador, continua sendo realizada. O prazo segue até o dia 27 de março e, segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob), mais de 900 veículos passarão pelo serviço de análise na sede da Coordenadoria de Táxi e Transportes Especiais (Cotae), no Vale dos Barris.

O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 16h30. A vistoria tem o valor de R$ 84,93. Durante a fiscalização, são observados pontos como padronização obrigatória dos veículos (conforme artigo 136 do Código de Trânsito Brasileiro), higiene, estado de conservação, condições de tráfego, controlador de velocidade (tacógrafo) medido pelo Ibametro e regularidade dos equipamentos de segurança, além da câmera de ré.

Condutores que não se submeterem à fiscalização, prevista em lei, pagarão multa de R$ 42,30 e ficarão impedidos de exercer a atividade.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Para evitar a proliferação do novo coronavírus (Covid-19), a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) iniciou, nesta terça-feira (17), as ações de higienização dos transportes públicos de Salvador. Com um sabão especial, máscara, óculos e fardamento específico para proteção, as equipes de limpeza vão higienizar, pelo menos duas vezes ao dia, os 2,4 mil ônibus que circulam na capital baiana.

O titular da pasta, Fábio Mota, alerta que, além das medidas de higienização dos ônibus quando chegam aos grandes terminais e finais de linha, serão colados nos ônibus adesivos e panfletos com informações sobre transmissão, sintomas e formas de se proteger contra o Covid-19.

“Sabemos que o transporte público é um meio propício à transmissão do vírus, então essas medidas são essenciais para evitar a proliferação da doença. Além de trabalharmos intensificando a higienização, precisamos que a população nos ajude abraçando essa ideia e tomando todas as medidas de prevenção necessárias”, alertou Mota.

Outras medidas consistem na limitação de pessoas transportadas no Elevador Lacerda, com redução do número de 64 para 40 passageiros por cabine. No Plano Inclinado Liberdade/Calçada, o transporte por cabine será reduzido de 25 para 15 passageiros. Já em relação aos ônibus com o ar-condicionado, o titular da Semob explica que não há a necessidade de desligar o ar, já que o sistema é completamente renovável.

Trabalhando há quase três décadas como motorista de ônibus, Adailton Ferreira Nascimento, 58 anos, contou que o assunto do momento no transporte público é novo vírus. Para ele, a medida de prevenção é necessária e deve ser aderida por todos. “Antes mesmo de ser passada a instrução, passei a trazer meu álcool em gel e seguir todo o passo a passo de prevenção divulgado nos jornais. Além disso, passei a orientar os passageiros, principalmente os idosos”.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Algumas notícias falsas que circulam na internet, popularmente conhecidas como fake news, podem interferir negativamente no fluxo das unidades de saúde da capital baiana, além de causar prejuízos graves à saúde das pessoas. Visando explicar as medidas estabelecidas para atendimentos em casos suspeitos do novo coronavírus, bem como os procedimentos a serem adotados para a realização de exames, além de conscientizar a população da gravidade do compartilhamento das notícias falsas e combatê-las, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), informa sobre medidas fundamentais neste momento.

Conforme o decreto municipal de número 32.248, de 14 de março de 2020, as pessoas com sintomas respiratórios leves devem ligar para Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COE), por meio do telefone (71) 3202-1234, em busca de orientação sobre providências mais específicas. Outra forma de contato é pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

No surgimento de febre, associada a sintomas respiratórios intensos, a exemplo de tosse e dificuldade de respirar, o cidadão deve buscar atendimento nas unidades de urgência e emergência. É importante destacar que o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) da SMS não realiza coleta de exame domiciliar para Covid-19, diferente do que vem sendo propagado na internet.

Para tal, as Unidades de Pronto-Atendimento do município prestam serviços de urgência e emergência, de forma ininterrupta e sem restrição de qualquer natureza. Além disto, os laboratórios públicos ou privados deverão informar imediatamente ao Sistema de Vigilância Municipal quaisquer casos positivos de Covid-19, conforme decreto.

Com objetivo de ampliar o apoio técnico aos estabelecimentos de saúde das redes pública e privada no monitoramento e investigação dos casos suspeitos dos casos suspeitos de coronavírus, o CIEVS passou a funcionar pelo período de 24 horas durante todos os dias, inclusive finais de semana e feriados. Os estabelecimentos de saúde poderão entrar em contato com o órgão através do telefone de plantão (71) 99982-0841.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Desde a década de 1980, os moradores de São Gonçalo do Retiro, bairro situado às margens da Avenida Luís Eduardo Magalhães e BR-324, reivindicavam a construção de um posto de atendimento médico na localidade. A partir desta terça-feira (17), o sonho se tornou realidade com a inauguração da unidade de saúde Padre Maurício Abel, na Travessa Santinha, s/n.

A inauguração foi realizada pela manhã apenas com as presenças do prefeito ACM Neto e do vice, Bruno Reis, além do secretário da Saúde, Leo Prates, corpo técnico e imprensa. A medida segue a determinação presente em decreto municipal, publicado no Diário Oficial do Município (DOM) de ontem (16), de realizar eventos sem a presença do público para evitar a proliferação do coronavírus (Covid-19), pandemia que vem atingindo o Brasil e o mundo.

“Por se tratar de um equipamento de saúde, não poderíamos, de maneira alguma, adiar a inauguração e, consequentemente, a possibilidade de as pessoas utilizarem o serviço. Esta unidade vai ampliar o atendimento na atenção básica neste distrito sanitário, em uma região que sempre desejou a presença de um posto de saúde da família. Ela passa a se incorporar às outras unidades da rede municipal que estão em mobilização completa neste momento em Salvador para evitar a proliferação do coronavírus”, afirmou ACM Neto.

Avanço e atendimento – Com a inauguração, a cobertura de Atenção Primária à Saúde no Distrito Sanitário do Cabula/Beiru, do qual São Gonçalo do Retiro é integrante, atinge o percentual de 41,14% (era de 13% em 2012). O investimento para a construção da USF Padre Maurício Abel foi de cerca de R$1,5 milhão e a unidade tem capacidade para atender cerca de 650 pessoas por dia através da atuação das quatro equipes de Saúde da Família e quatro de Saúde Bucal.

Já em funcionamento após a entrega, o equipamento oferta serviços de atenção integral para o público que varia desde o recém-nascido ao idoso, com atendimento médico, enfermagem e odontológico, coleta e vacinação, dentre outros. O secretário Leo Prates lembrou, inclusive, que o setor de coleta poderá encaminhar mostras de possíveis casos de Covid-19 identificados pela unidade para investigação. A partir desta quarta-feira (18), todos os profissionais já terão à disposição máscaras e álcool gel para prevenir a transmissão do vírus.

Benefícios – Moradora do bairro desde a infância, a comerciante Edna Santos, de 49 anos, relatou que a chegada da USF trouxe outras melhorias para a comunidade. “Essa área aqui era um antigo campo de barro que, quando chovia, era muita lama e alagava tudo. Fizeram uma drenagem e pavimentação que, hoje, não tem mais esse problema aqui, mesmo com tanta chuva que já caiu na cidade recentemente. O posto deu mais vida, valorizou mais esta região. E, claro, as pessoas não precisam mais sair daqui para ir para Engomadeira, Saboeiro e San Martin para ter atendimento médico, já podem ter acesso a um posto pertinho de casa”, finalizou.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A partir desta quarta-feira (18), uma força-tarefa formada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e pela Vigilância Sanitária de Salvador (Visa), com o apoio de outros órgãos, como a Guarda Civil Municipal (GCM), vai verificar se o decreto municipal que prevê medidas contra o avanço do coronavírus (Covid-19), publicado ontem (16), está sendo cumprido. Os estabelecimentos que não respeitarem as determinações serão interditados imediatamente pelo órgão e, quem for reincidente, terá o alvará de funcionamento cassado.

A Sedur dará todo o apoio necessário para que as medidas sejam cumpridas. Com isso, as fiscalizações serão realizadas diariamente nos turnos matutino e vespertino e com plantão à noite. Segundo o diretor de Fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior, as equipes estão atuando desde ontem (16), notificando locais de grande aglomeração de pessoas sobre as determinação do decreto, como academias, casas de espetáculo, de festa e parque infantil, buffet para cerimonial, teatros, cinemas, escolas e universidades privadas.

O decreto prevê o fechamento desses locais pelo prazo de 15 dias, a contar desta quarta (18), quando começam as ações de fiscalização da força-tarefa. Segundo Brandão, essas fiscalizações serão feitas também em espaços de culto religioso, abrangendo as igrejas evangélicas e católicas, centros espíritas e terreiros de candomblé e umbanda. “O nosso objetivo hoje não é aplicar multa, mas conter a proliferação do vírus. A nossa maior preocupação é em fechar para que a medida sanitária seja efetiva. As pessoas devem a todo custo evitar aglomerações. Precisamos do apoio da sociedade, dos empresários, de todos os setores da sociedade”, disse o diretor de Fiscalização.

Saúde – Desde o final de janeiro, a Vigilância Sanitária de Salvador (Visa), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), intensificou as fiscalizações no sentido de verificar se os estabelecimentos públicos estão cumprindo a Lei Estadual 13.706/17. A legislação prevê o uso de equipamentos com álcool em gel nessas dependências. Nos últimos dois meses, cerca de 300 estabelecimentos foram visitados.

Além da verificação do uso de dispensadores de álcool em gel nos estabelecimentos, a Visa também vai verificar se os estabelecimentos estão cumprindo a determinação de fechamento feita pela Prefeitura, em apoio às ações da Sedur. “Por mais que o coronavírus continue se difundido na nossa população, isso tem acontecido de forma lenta e esse é o nosso objetivo. É impossível fechar a transmissão, mas se conseguirmos mitigar os efeitos, conseguiremos proteger a população e evitar que os sistemas de saúde sejam sobrecarregados”, afirma o coordenador da Vigilância Sanitária municipal, Raone Rodrigues.

“Temos visto que os países que adotaram medidas como essas (fechamento de estabelecimentos e outras iniciativas para evitar aglomerações adotadas pela Prefeitura de Salvador) são os que realmente têm conseguido vencer o coronavírus. Além dessas determinações, nós continuamos pedindo o apoio do cidadão para que tomem as medidas protetivas, sobretudo evitando o convívio social, as visitas a pessoas idosas e a circulação nos espaços, além de fazer a higienização das mãos e seguir as etiquetas respiratórias, a exemplo dos cuidados ao tossir e espirrar”, acrescentou Rodrigues.

0
0
0
s2sdefault

Sub-categorias

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...