Releases

0
0
0
s2sdefault

Entre quarta (24) e quinta-feira (25), a Prefeitura vai participar do SmartCity Expo, que acontece em Buenos Aires. O evento, que está na segunda edição, vai reunir representantes de mais de 700 cidades do mundo para estimular a inovação e o desenvolvimento de soluções inteligentes para os principais desafios urbanos.

Com o tema “Desenvolvendo talento, criamos o mundo”, o encontro vai promover, através de apresentações de projetos e políticas públicas, a integração e troca de experiência entre gestores de todo o mundo.

O chefe de gabinete da Prefeitura, Kaio Moraes, e o secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), Sérgio Guanabara, vão estar presentes, além de representante da Secretaria de Cidade Sustentável, Inovação e Resiliência (Secis). Durante o evento, o titular da Sedur irá apresentar o maior programa de desenvolvimento econômico e geração de renda da capital baiana, o Salvador 360.

“É importante que o mundo saiba o que tem sido feito na cidade e como essas ações têm mudado a realidade dos soteropolitanos. Em menos de dois anos, o Salvador 360 já traz resultados muito importantes para a capital baiana em diversos setores. Em Buenos Aires, vamos focar em ações voltadas para o conceito de cidade inteligente, como a instalação do primeiro centro de inovação público-privado do país, o Hub Salvador, além do nosso projeto âncora para o fomento da economia criativa que deve ser lançado pelo prefeito nos próximos meses”, explica Guanabara.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Os moradores e visitantes de Salvador já podem utilizar mais uma ferramenta que vai facilitar o deslocamento pela capital baiana, através do celular. Fruto de uma parceria entre a Prefeitura e os taxistas e que atende a uma demanda da categoria, o aplicativo Táxi Mobi foi lançado nesta segunda-feira (22), no Palácio Thomé de Souza, no Centro. Estiveram presentes na ocasião o prefeito ACM Neto e o secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, além do presidente da Câmara de Vereadores, Geraldo Júnior, demais autoridades, representantes dos táxis e imprensa.

Utilizado em fase de testes no Carnaval, o Táxi Mobi vai permitir ao usuário solicitar um táxi em qualquer lugar da cidade e o melhor: sabendo que estará utilizando um transporte seguro, como ressaltou o prefeito. “Esse serviço oferecido pelos taxistas é acompanhado e regulado pela Prefeitura. Esse aplicativo, inclusive, vai permitir um gerenciamento completo por parte da Semob da frota de táxis na capital, ajudando a tomar decisões no intuito de facilitar a vida do usuário de transporte de Salvador”, afirmou ACM Neto.

O gestor lembrou ainda que a iniciativa fortalece ainda mais a qualidade do serviço prestado pelos taxistas na capital baiana. “Não só pela importância histórica, mas por uma cidade com apelo turístico como Salvador, os taxistas precisam ter um serviço de qualidade e que agregue ainda mais à imagem da cidade”, completou o prefeito.

O Táxi Mobi segue outras soluções digitais adotadas pela Prefeitura na área de mobilidade. Dois desses exemplos são os aplicativos CittaMobi, disponibilizado desde 2015 para acompanhamento do horário e roteiro dos ônibus pelos usuários, e o Kim, lançado em 2017, para recarga de cartões de transporte através do celular. Nos próximos 60 dias, outra ferramenta semelhante será lançada para a população, desta vez envolvendo o serviço de mototáxi.

Funcionamento – Disponível de forma gratuita no App Store (iPhone) e no Play Store (Android), o aplicativo inicia as atividades com 2 mil profissionais cadastrados. A adesão dos demais profissionais, associações e cooperativas à ferramenta é livre. Atualmente, a cidade possui 7,5 mil veículos utilizados como táxi.

Ao instalar a ferramenta no celular, o usuário pode fazer o cadastro utilizando as informações pessoais do Facebook ou do Google. Ao entrar no aplicativo, é possível visualizar a localização dos táxis, as informações cadastrais dos associados e o valor a ser pago pela corrida. Há possibilidade, ainda, de conversação em tempo real.

Com relação à tarifa, a novidade é que todas as corridas, em qualquer dia e horário, são feitas com desconto de 20% sobre o valor da Bandeira 1 que, de acordo com o decreto municipal, é de R$2,42 por km rodado. O pagamento pode ser feito à vista, com cartão de crédito ou débito ou mesmo pela solução Inapp, onde o cliente cadastra o cartão a ser utilizado para pagamento de todas as viagens.

De acordo com Leandro Galhardi, presidente da União dos Táxis, entidade responsável pelo desenvolvimento do Táxi Mobi, a ferramenta segue o regimento interno com base na lei 9.253/2017, que regula e disciplina os serviços de táxi na cidade. Um conselho de ética foi formado pelas empresas que fazem parte do aplicativo, para analisar situações envolvendo os profissionais. O SAC funciona através do Fala Salvador, pelo telefone 156, ou pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

“Uma das preocupações que tivemos com o aplicativo foi mostrar que o táxi tem condição de preço e qualidade. Vamos trabalhar com a tarifa de Bandeira 1 com desconto de 20% - é o que a gente internamente entendeu que seria um preço acessível. Quando a tarifa dinâmica dos aplicativos estiver ativada, vamos estar com preço abaixo e trabalhando com uma condição muito boa”, salientou Galhardi.

Gerenciamento – O secretário da Semob informou que o Táxi Mobi vai permitir também que a frota seja monitorada e gerenciada em tempo real pela Semob. “A Prefeitura vai poder saber onde está cada táxi na cidade e poder remanejar a frota de acordo com a necessidade de cada local. Por exemplo: no sistema, podemos ver que os táxis em verde estão livres, os amarelos estão ocupados e os pontos pretos são os pontos de táxi, além de saber quem são os taxistas que estão atuando. Isso permite que a administração municipal e, principalmente, o cidadão, passem a ter mais segurança”, explicou Fábio Mota.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Devido à continuação das obras de requalificação na Avenida Oceânica, no bairro de Ondina, a Secretaria de Mobilidade (Semob) informa que as linhas de ônibus que passam pelo local terão os seus itinerários modificados a partir desta segunda-feira (22).

A interdição será para quem vem da Barra sentido o bairro do Rio Vermelho, no trecho compreendido entre a entrada da Avenida Adhemar de Barros e a saída da Rua Bartholomeu de Gusmão, na Praia da Paciência.

As linhas que trafegam neste sentido deverão entrar na Avenida Adhemar de Barros, Avenida Anita Garibaldi, Rua Bartholomeu de Gusmão e depois seguir seu itinerário normal.

 

Confira abaixo as linhas:

                      

0711 - Santa Cruz – Campo Grande R2

0720 - Vale das Pedrinhas – Vila Rui Barbosa

0722 - Nordeste – Campo Grande R2

0804 - Pituba – Campo Grande R2

0932-  Rio das Pedras – Campo Grande R2

1001-  Aeroporto – Praça da Sé

1002-  Aeroporto – Campo Grande

1003-  Aeroporto - Lapa

1030-  Praia do Flamengo – Praça da Sé

1051-  Est Mussurunga – Barra 1

1125-  Narandiba/Doron – Barra 1

1130- Cabula 6 – Ondina

1230 - Sussuarana – Barra R1

1340-  Est Pirajá – Barra 1

N058 - Lapa – Barra/Sabino Silva

S004 - Iguatemi – Praça da Sé

S043-  Aeroporto – Praça da Sé

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Com direito a uma apresentação de caratê dos idosos da Instituição Lar Fabiano de Cristo (LFC), localizada em Coutos, foi realizado, nesta quarta-feira (17), o II Simpósio do Conselho Municipal do Idoso (CMI). Ocorrido no auditório do Centro de Cultura da Câmara Municipal do Salvador, no Centro, o encontro foi promovido pelo CMI em parceria com a Secretaria Municipal de Proteção Social e Combate à Pobreza (Sempre) e a Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional de Salvador (Cosan).

Estiveram presentes na abertura da mesa a defensora pública Laíse de Carvalho, a médica geriatra Marília Moreira, o representante do Fundo Municipal da Pessoa Idosa (FMPI), Claudio Soares, e a presidente do CMI, Daniele Simões. “Esse simpósio é de grande relevância para levar conhecimentos sobre os direitos e valorização da pessoa idosa. Unimos o poder público e a sociedade civil para falar sobre essa temática e, juntos, sensibilizarmos tanto os mais jovens quanto os próprios idosos. Começar a trabalhar o envelhecimento desde a juventude e a importância de cuidar do corpo, da saúde e da mente é totalmente importante”, afirmou.

A palestra “Envelhecimento Saudável: Opção Pessoal ou Fato Consumado? ”, ministrada pela médica geriatra, levou a plateia à uma reflexão sobre o assunto. “O envelhecimento é mais uma etapa natural da vida e precisamos aceitar esse processo como algo normal, pois existe uma mudança na composição corporal e nas funções biológicas. Quanto mais cedo adotar um estilo de vida mais saudável, seja na alimentação, na prática de exercícios físicos e nas relações pessoais, isso será refletido na maior idade. É um processo individual e cada pessoa envelhece da forma como viveu durante a vida”, declarou.

A geriatra destaca que 70% do envelhecimento é programado por cada indivíduo. O que for herdado de código genético e de programação biológica só vai interferir em 30% de cada ser humano. “A saúde não é só um bem-estar físico. É um bem-estar mental, psíquico e social. O envelhecimento é baseado no tripé, nutrição adequada, prática regular de atividades físicas e boa saúde mental, que passa por atividades de lazer, socialização e inserção em políticas públicas”, afirma.

Conselho - O CMI é vinculado à Sempre e tem como objetivo zelar o cumprimento das leis que garantem os direitos dos idosos, fiscalizando as entidades governamentais e não governamentais de atendimento, entre outras atividades. A sede está localizada na Rua Carlos Gomes, 108, Edifício Maçônico, 2º andar, sala 201, Centro. Os números de contato são (71) 3328-2578 e 3266-2192.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Em função do aviso da Coelba para a troca de um poste danificado nas proximidades do Plano Inclinado Liberdade, nesta quinta (18) e sexta-feira (19), a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) informa que as atividades do ascensor serão interrompidas durante os serviços. O equipamento retorna às atividades neste sábado (20).

Operação - Com funcionamento de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e aos sábados, das 7h às 18h, e com tarifa gratuita, o equipamento transporta cerca de 8 mil passageiros diariamente.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre), já disponibilizou 486 benefícios em 2019 para indivíduos e famílias atingidas pelas chuvas. Os beneficiados necessitaram sair das residências, em decorrência de riscos de deslizamentos, alagamentos ou desabamentos totais ou parciais dos imóveis.

Para realizar os atendimentos socioassistenciais, a pasta mantem uma equipe formada por cerca de 100 técnicos, entre eles psicólogos, assistentes e educadores sociais. Os profissionais se revezam em regime de plantão e efetuam cadastros e encaminhamentos aos atingidos pelas chuvas, tanto nas residências como no posto avançado localizado na sede da Defesa Civil de Salvador (Codesal), na Avenida Mário Leal Ferreira (Bonocô).

Somente o Auxílio Aluguel, benefício no valor de R$ 300 destinado a famílias de baixa renda, vítimas de situações de risco e desastre, já foi concedido a 389 famílias. Já o Auxílio Emergência, que é apoio financeiro para aqueles que sofrem perdas decorrentes dos desastres, para restabelecimento das condições mínimas de sobrevivência através da reposição de bens básicos, foi disponibilizado 97 vezes. Do total, 62 deles no valor de um salário mínimo, 29 no valor de dois salários mínimos e seis no valor de três.

Acolhimento provisório – A Sempre, que também faz parte do Comitê Interinstitucional de Ações Emergenciais durante a Operação Chuva, realiza, ainda, o acolhimento provisório de famílias que precisam deixar as moradias em função do risco. Nas sete áreas onde estão instalados os Sistemas de Alerta e Alarme, que sinalizam a necessidade de evacuação imediata dos imóveis devido ao grande volume de chuva, a equipe está preparada para organizar, em caráter emergencial e nas escolas indicadas, espaços provisórios para abrigar as famílias.

Nos locais, além de atendimento e encaminhamento, são disponibilizados colchões, lençóis, cobertores, toalha, alimentação, kit higiene e limpeza, para uso exclusivo durante o acolhimento. Caso a condição de desocupação do imóvel permaneça, as famílias são encaminhadas para o Auxílio Aluguel.

Demais benefícios – Outros benefícios também são disponibilizados àqueles que são atingidos pelas consequências das chuvas. Dentre elas estão cesta básica, kits dormitório, de limpeza e higiene, encaminhamentos para retirada de documentos oficiais e Auxílio Funeral, que oferta a urna funerária, coroa de flores e translado do corpo até o cemitério agendado pela família, por meio da Central de Marcação da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

A Sempre segue de plantão neste feriado de Páscoa e durante todo o período da Operação Chuva. Em casos de emergência, as famílias devem acionar a Codesal, por meio do telefone 199, e solicitar a vistoria dos imóveis atingidos.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Concorrer a uma das 368 vagas do concurso da Prefeitura é uma grande oportunidade para quem está em busca de um cargo ou de melhores condições de trabalho. Conquistá-la, no entanto, exige dedicação. Uma das primeiras iniciativas para quem quer se candidatar é ler atenciosamente o edital. A leitura e releitura do documento permite que o candidato tenha pleno conhecimento de todas as exigências do certame.

Professor do curso Os Aprovados, Carlos Humberto Moreira recomenda também organizar os estudos, focar nos assuntos que são considerados mais difíceis e definir horas diárias para se dedicar. “Cada estudante tem o seu tempo, mas é preciso ter disciplina. O recomendável é estudar, no mínimo, duas horas por dia. Para aqueles que têm a semana muito ocupada com trabalho, o ideal é reservar os finais de semana e, no momento de estudo, esquecer as redes sociais e o bate-papo”, afirma Carlos "Helmans", como é conhecido no cursinho.

Após ler ou assistir vídeo-aulas sobre o assunto da prova, o candidato não pode esquecer de resolver questões de concursos anteriores. Carlos "Helmans" explica que as questões se repetem, o que muda é apenas o contexto. “Resolvê-las dará uma noção de como o assunto será cobrado. A dica é estudar um assunto e em seguida responder às questões relacionadas. Além disso, é bom observar a maneira como a banca elabora as perguntas”, diz.

Na prova de concurso para ensino médio da Prefeitura, que costumam ter uma concorrência maior, vão cair os seguintes assuntos básicos: língua portuguesa, raciocínio lógico, noções de informática e legislação institucional. Além dos assuntos básicos, serão cobrados conhecimentos específicos, de acordo com cada cargo, e Teste de Aptidão Física (TAF).

Os cargos para ensino médio são os de agente de trânsito e transporte (com 30 vagas mais cadastro de reserva), agente de fiscalização municipal (5 vagas mais cadastro de reserva), agente de salvamento aquático (10 vagas mais cadastro de reserva) e Guarda Civil Municipal (50 vagas mais cadastro de reserva).

Descanso – Depois da maratona de estudos, o descanso é sempre bem-vindo. “A mente também precisa descansar, principalmente após um longo tempo de dedicação. O candidato que estudou muitas horas seguidas e se sente cansado deve parar um pouco, assistir um filme, fazer alguma atividade recreativa ou dormir. É muito importante! Inclusive, a véspera da prova é um momento para relaxar e deixar que toda a aprendizagem feita até o momento possa fluir no dia seguinte”, sugere Helmans.

Experiente no assunto, o guarda civil municipal Antônio Carlos Magalhães, de 39 anos, orienta os candidatos aos cargos de nível médio a iniciar logo o treino para o TAF, antes mesmo de fazer a prova objetiva. “O período entre a aprovação na prova objetiva e o TAF é muito curto. Por isso, muita gente que deixa para a última hora acaba sendo eliminada, principalmente na barra, que é um dos exercícios comumente cobrados”, conta ACM.

Durante a prova objetiva, a dica é prestar muita atenção no enunciado. “É melhor buscar compreender do que tentar fazer várias questões sem entender o que está sendo pedido”, complementa.

Inscrições – As inscrições para o concurso da Prefeitura seguem disponíveis até as 16h do dia 7 de maio, pelo site www. fgv. br/ fgvprojetos/ concursos/ pms2019. O valor é de R$ 80 para os cargos de nível médio e nível técnico e de R$ 100 para aqueles de nível superior. As provas objetiva e discursiva estão marcadas para o dia 16 de junho. A remuneração pode chegar a R$ 10.902,71, de acordo com o cargo. Mais informações sobre o concurso podem ser acessadas no edital, disponível na página da FGV.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Terceira maior estrutura municipal do tipo no país, a obra do Centro de Convenções de Salvador segue em ritmo acelerado e já está 32% concluída. As instalações, no formato de uma pomba, símbolo da bandeira de Salvador, já chamam atenção de quem passa pela Orla da capital, na Boca do Rio. São 37 mil m² de terreno construído em uma área de pouco mais de 103 mil m².

O centro terá capacidade para receber 14 mil pessoas simultaneamente em congressos e convenções. Pelo menos três grandes eventos já estão agendados para acontecer no espaço, a partir do ano que vem. A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) publicará o edital de concessão e exploração do Centro de Convenções de Salvador nos próximos dias.

“Hoje a cidade já vive um pouco esse impacto. A obra já ganha uma dimensão, uma proporção e chama atenção de quem passa aqui pela região. Muitas pessoas não conhecem efetivamente a obra, o que já foi produzido, quais os próximos passos, o estágio em que estamos, mas posso dizer que seguimos bem adiantados”, considerou o secretário da Secult, Cláudio Tinoco. As intervenções entram no 7º mês de um total previsto de 12 meses. “Durante seis meses, entre outubro e março, tivemos essa evolução, cumprindo o prazo contratual”, pontuou Tinoco.

Segundo o CCS, consórcio responsável pelas obras e formado pelas empresas Andrade Mendonça e Axxo, o sistema construtivo do equipamento é similar ao utilizado na implantação do Hospital Municipal de Salvador (HMS), cuja entrega foi antecipada em três meses. O consórcio trabalha com estruturas pré-moldadas, em conjunto com outras metálicas e lajes, o que acelera a execução.

“É claro que a obra agora ganha mais notoriedade, já que uma boa parte de alvenaria já foi realizada. A obra está com todas suas fases previstas, avançando dentro do cronograma. Nesse momento, diria que estamos partindo para parte de fechamento, cobertura, incluindo acabamento interno, externo e fachada”, explicou Tinoco. O novo empreendimento vai reposicionar a capital baiana entre os mais atrativos polos de turismo de eventos do Brasil. O secretário reforça que o Centro de Convenções será muito importante para a economia e turismo da Bahia.

Agenda de congressos - Pelo menos três grandes eventos já foram agendados para o novo Centro de Convenções de Salvador. “Já temos o Congresso Nacional de Hotéis (Conotel), em maio de 2020, com estimativa de quatro mil participantes. Em 2021 teremos o Congresso Brasileiro de Mastologia. E em 2024 sediaremos o 7º Congresso Mundial de Trauma”, afirmou Tinoco. Ainda segundo ele, a estrutura de ponta, além de ter a qualidade necessária para a recepção de grandes eventos, será um equipamento autossustentável.

“Nos próximos 25 anos, Salvador terá a estrutura para voltar a sediar os eventos não só da área médica, mas também outros, como feiras nacionais e internacionais e até mesmo encontro de chefes de Estado. Não tenho dúvida que o Centro de Convenções será a oportunidade da capital baiana voltar para cenário internacional, com capacidade e estrutura para receber eventos mundiais”, assinalou.

Shows e auditórios - No Centro de Convenções haverá dois locais para shows, cada um com capacidade para 20 mil pessoas, um externo ao equipamento e outro interno, com 28 camarotes de 50 metros quadrados, que serão moduláveis e irão atender aos dois espaços multiusos, tanto o de fora do centro quanto o de dentro. Esses camarotes poderão se transformar em salas de reunião quando não houver shows.

O espaço contará ainda com oito auditórios moduláveis de 800 metros quadrados cada. Terá também seis salões de 522 metros quadrados cada, 12 salas de 236 metros quadrados e 28 de reuniões que irão virar camarotes tanto para os shows externos quanto internos. O estacionamento será para mais de 1,4 mil veículos. O equipamento terá três pavimentos e será 100% climatizado e com acessibilidade.

Edital - A partir do lançamento do edital de concessão para selecionar a empresa que vai gerir o equipamento, haverá um prazo de 30 a 45 dias para recebimento das propostas. Será declarada vencedora da licitação a empresa que ofertar a maior outorga fixa, sendo um mínimo de R$ 10 milhões, que deverá ser paga em duas parcelas iguais – uma na assinatura do contrato e outra em 180 após isso.

Adicionalmente, a concessionária pagará à Prefeitura uma outorga variável de 5% sobre o faturamento bruto a partir do sexto ano. No total, o investimento da iniciativa privada somará cerca de R$25 milhões, incluindo aquisição de equipamentos, mobiliário e instalações. “O edital que vai oferecer a mercado a possibilidade de atrair empresas, individualmente ou em consórcio, para que possamos garantir um investimento privado para complementar as instalações”, finalizou Tinoco.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Mais de 26 mil pessoas já foram vacinadas contra a influenza na capital baiana desde o início da campanha, na última quarta-feira (10), o que corresponde a 4,7% do público alvo. A meta da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) é imunizar pelo menos 90% de 570 mil indivíduos que fazem parte dos grupos prioritários até o dia 31 de maio.

Apesar da procura razoável nos postos da rede municipal, pouco mais de 85% do público-alvo de Salvador ainda não se protegeu contra a doença. “Estamos tendo uma boa procura pela vacina. Mesmo Salvador tendo seguido a proposta estabelecida pelo Ministério da Saúde de vacinar crianças e gestantes até o dia 21, a procura desde o início foi de todos os grupos prioritários”, explicou Doiane Lemos, subcoordenadora de Controle de Doenças Imunopreveníveis
Entre os grupos prioritários que mais buscam a vacinação estão os idosos e as crianças. Por outro lado, as puérperas (gestantes de até 45 dias), pessoas com doenças crônicas e professores não têm buscado a imunização.

"A baixa procura pela vacina por esses grupos nos preocupa, já que de janeiro a abril deste ano foram registrados 70 casos e 3 óbitos por causa da Síndrome Respiratória Aguda. A vacina pode reduzir em até 45% o número de hospitalizações por pneumonias e até 75% a mortalidade global por complicações da influenza", alertou Doiane.

Os postos de saúde de Salvador estarão fechados no feriadão da Semana Santa. Mas, a partir da próxima segunda-feira (22), as equipes operacionais retomarão a estratégia nas 126 unidades básicas da rede municipal, das 8h às 17h.

Devem ser vacinados os idosos, crianças menores de 2 anos de idade, gestantes, puérperas (mulheres que ganharam bebê nos últimos 45 dias), trabalhadores de saúde, professores das redes públicas e privadas e pacientes com doenças crônicas. A vacina é a principal medida preventiva da enfermidade que apresenta maior incidência nos meses de junho e julho.

0
0
0
s2sdefault

Sub-categorias

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...