Saúde

0
0
0
s2sdefault

O aperfeiçoamento da estratégia de vacinação contra Covid-19 em Salvador, desenvolvido pela Prefeitura, tem tornado cada vez mais rápida e eficiente a imunização do público-alvo na cidade. Esta semana, além da ampliação dos postos fixos e de drive-thru, também foi disponibilizado o filômetro – site de acompanhamento da demanda do público nos postos de vacinação, além da implantação da estratégia de aplicação das doses para idosos por turno, evitando assim grandes filas e tempo de espera. Toda essa estratégia envolve, aproximadamente, 1,5 mil profissionais.

O resultado dessas ações foram conferidas de perto neste sábado (6) pelo prefeito Bruno Reis, no campus da Universidade Federal da Bahia (Ufba) em Ondina – um dos pontos de imunização de idosos acima de 78 anos. Também estiveram presentes na ocasião a vice-prefeita e secretária de Governo (Segov), Ana Paula Matos, e o secretário municipal da Saúde (SMS), Leo Prates.

“Está tudo bem organizado. Essa seleção feita daqueles que nasceram em janeiro a julho de 1942 se vacinarem na parte da manhã, e de agosto de 1942 a 6 de março de 1943 se vacinarem à tarde, permitiu que as pessoas pudessem ser imunizadas praticamente sem filas. Estamos felizes com o resultado do nosso trabalho e, com fé em Deus, vamos vencer mais um dia de enfrentamento à Covid-19”, declarou o prefeito.

Até as 13h20 de hoje, 4.547 idosos haviam sido vacinados com a primeira dose e a segunda dose havia sido aplicada em 2.669 pessoas – idosos e profissionais de saúde. Desde janeiro, mais de 161 mil cidadãos receberam a primeira dose e 47,8 mil pessoas, a segunda dose contra o novo coronavírus.

Assim como o campus da Ufba em Ondina, outros 32 postos estão em funcionamento neste sábado para vacinação contra o novo coronavírus, nas modalidades drive-thru – com mais de 160 baias – e fixo. No total, são 24 postos para aplicação da primeira e segunda dose para idosos a partir de 78 anos e os demais para segunda dose dos trabalhadores da saúde.

Antes de comparecer a um desses postos, é necessário verificar se o nome está na lista através do site www.saude.salvador.ba.gov.br . Caso não esteja, é necessário fazer a inscrição no site www.recadastramento.saude.salvador.ba.gov.br . Para saber se um posto possui fila ou não, basta acessar o site www.filometro.salvador.ba.gov.br .

Além disso, 150 idosos acamados ou com dificuldade de locomoção são vacinados em casa hoje através do serviço Vacina Express, com agendamento prévio feito através do site www.vacinaexpress.salvador.ba.gov.br .

Pirajá – Também neste sábado, o prefeito Bruno Reis vistoriou a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Pirajá, que está sendo transformada em unidade 24h para atender casos inclusive de urgência e emergência. A medida visa desafogar a demanda nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

“É claro que, a depender da gravidade, o paciente será encaminhado para uma UPA ou um hospital. No entanto, com a ampliação desse atendimento na USF Pirajá, estamos aumentando a oferta, principalmente aos pacientes que estão nas UPAs precisando de regulação e que dependem de um leito de enfermaria. Com isso, estamos enfrentando a pandemia e a cada dia vencendo uma batalha que, com fé em Deus, sairemos vitoriosos no final”, declarou o chefe do Executivo municipal.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), inicia neste sábado (6) as aplicações da primeira dose da vacina contra a Covid-19 nos idosos com idade igual ou superior a 78 anos em Salvador. Para este público, a estratégia contará com nove drive-thrus e 15 pontos fixos em operação. 

Com o intuito de otimizar o fluxo de atendimentos e evitar longas filas de espera, a SMS comunica que, no período da manhã, entre 8h e 12h, serão vacinados apenas aqueles idosos nascidos entre janeiro e julho de 1942. À tarde, entre 12h e 16h, podem buscar as unidades excepcionalmente os idosos que nasceram entre agosto de 1942 e 6 de março de 1943. 

Os idosos com 78 anos ou mais também poderão fazer o agendamento da vacinação domiciliar através do Vacina Express, no site vacinaexpress.saude.salvador.ba.gov.br . São oferecidas por dia 150 vagas, preferencialmente, para indivíduos acamados ou com dificuldade de locomoção. 

Os idosos que foram imunizados em casa não precisam fazer novo registro na plataforma digital. O retorno da equipe de saúde será feito automaticamente de acordo com a data de reforço programada no sistema. 

Consulta - Antes de se dirigir a um dos pontos de vacinação é indispensável verificar se o nome do idoso está habilitado a receber a dose. A lista está disponível no site www.saude.salvador.ba.gov.br.

Caso não esteja, será necessário fazer o recadastramento pelo site recadastramento.saude.salvador.ba.gov.br. Ao chegar a um dos pontos fixos ou drives, é indispensável a apresentação de documento oficial com foto. 

Suspensão - Devido ao baixo estoque de imunizantes, a aplicação da primeira dose para trabalhadores da saúde está suspensa temporariamente. A estratégia para este público será retomada após a chegada de nova remessa de vacinas. 

Segunda dose - Já a aplicação da segunda dose para completar o esquema vacinal segue normalmente na capital baiana tanto para idosos como para profissionais de saúde. Basta ser observada a data de retorno no site da SMS e no cartão de vacina obtido na ocasião da primeira aplicação.  

Pontos – Os idosos com 78 anos ou mais aptos para receberem a primeira ou segunda dose podem se dirigir aos seguintes drives: Universidade Federal da Bahia - Campus Ondina, Arena Fonte Nova (Nazaré), Atacadão Akarejo – Fazenda Coutos, 5º Centro de Saúde (Barris), Parque de Exposições (Paralela), Escola Bahiana de Medicina – Campus Cabula, Escola Bahiana de Medicina – Campus Brotas, Universidade Católica de Salvador – Campus Pituaçu e Vila Militar – Bonfim. 

Já os pontos fixos são a Escola Bahiana de Medicina – Campus Cabula, Escola Bahiana de Medicina – Campus Brotas, USF Vista Alegre, UBS Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), USF Santa Luzia (Engenho Velho de Brotas), USF Plataforma, USF Cajazeiras X, USF Resgate, USF Federação, UBS Péricles Cardoso (Barbalho), USF Péricles Laranjeiras, USF Cajazeiras V, USF Antônio Lazarotto (Lobato), 5º Centro de Saúde (Barris) e Vila Militar - Bonfim. 

A vacinação da segunda dose para os trabalhadores da saúde ocorrerá nos drive-thrus: Unijorge – Campus Paralela, USF San Martim III e Centro de Convenções. Nos pontos fixos, a operação será na USF Eduardo Mamede (Mussurunga), UBS Castelo Branco, USF Colinas de Periperi, CSU Pernambués e Unijorge – Campus Paralela. 

 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Após requisição administrativa realizada pela Prefeitura, o Hospital Salvador, localizado na Federação, passa a funcionar exclusivamente para atender a casos de Covid-19 a partir desta sexta-feira (26), através de regulação. O anúncio foi feito através de coletiva virtual pelo prefeito Bruno Reis, que esteve no local acompanhado da vice-prefeita e secretária de Governo (Segov), Ana Paula Matos, e do secretário municipal da Saúde (SMS), Leo Prates.                                  

Com gestão a ser feita em parceria com a Santa Casa de Misericórdia, instituição contratada pela Prefeitura, serão oferecidos no total 40 leitos de UTI e 120 de enfermaria. Este é o quarto hospital de campanha voltado apenas para pacientes com coronavírus, assim como o Sagrada Família (Bonfim), Itaigara Memorial (Caminho das Árvores) e Santa Clara (Itaigara), estes três já em funcionamento.

“Já ultrapassamos o número de leitos de UTI da primeira onda, que eram 228. Neste momento, já estamos oferecendo 236 leitos de UTI, incluindo os dez da Unidade de Suporte Ventilatório na UPA de Valéria. Leitos esses tão escassos e preciosos neste momento, para ajudar a gente a enfrentar esse momento crítico de pandemia”, declarou o prefeito.

Ele lembrou que, além dos hospitais de campanha, a Prefeitura também contratou leitos para Covid-19 nos hospitais Evangélico, Português e Santa Izabel. “Vamos seguir ampliando com um novo hospital de campanha que será iniciada a montagem amanhã (27), às 9h30, no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) em Itapuã. Abrimos esta semana um gripário em São Cristóvão, ao lado da UPA Parque São Cristóvão. Já estamos montando e vamos inaugurar, na próxima semana, um outro gripário na UPA dos Barris”, elencou Bruno Reis.

O chefe do Executivo municipal completou ainda que a Prefeitura vem fazendo um grande esforço na ampliação de leitos, mas os recursos são limitados. “Temos limitação de respiradores, chegaram 30 esta semana e mais 25 estão sendo enviados, além de enfrentarmos dificuldade de profissionais para consistir equipes. Então, é preciso que vocês, cidadãos, façam um esforço junto com a Prefeitura, evitando aglomeração, utilizando máscara, fazendo higienização e respeitando as medidas municipais e estaduais para evitar mais casos”, apelou.

Demanda – O prefeito demonstrou novamente preocupação com a demanda provocada pela Covid-19 no sistema de saúde. Ele informou que, somente nas últimas 24h, foram regulados 72 pacientes das UPAs para os hospitais, e outros 75 aguardam regulação – destes, 30 precisam de UTI. “Nesses 11 meses, lutamos para que as pessoas não morressem. Esse é um inimigo perigosíssimo, que a gente não enxerga e que está tendo uma agressividade maior, levando as pessoas a ficarem mais tempo na UTI. É por isso que cada um precisa fazer a sua parte”, alertou Bruno Reis.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Salvador já conta com mais uma estrutura em funcionamento para atender a pacientes infectados pelo novo coronavírus e demais síndromes gripais. O gripário de São Cristóvão foi entregue nesta quinta-feira (25) pelo prefeito Bruno Reis, que visitou as instalações ao lado da vice-prefeita e secretária de Governo (Segov), Ana Paula Matos, e do secretário municipal da Saúde (SMS), Leo Prates,

A estrutura fica localizada no anexo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Parque São Cristóvão, na Rua Marcos Moreira Solder, e vai complementar a rede temporária de urgência e emergência da cidade.  

O novo gripário funcionará ininterruptamente em regime 24h, inclusive nos finais de semana e feriados. São 12 leitos, sendo dois de suporte avançado à vida, e vão atuar no local 75 profissionais entre médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares.

O prefeito afirmou que, nas ultimas 24h, Salvador viveu o momento mais crítico da pandemia. “Foram necessários regular 66 pacientes para os hospitais de campanha e ainda estão aguardando nas nossas UPAs mais 67 pessoas.  Nem no auge da primeira onda tivemos a quantidade tão grande de pessoas pacientes para serem regulados”.

Ele também acrescentou que o novo gripário de São Cristóvão ajudará a diminuir a pressão sobre as UPAs de Salvador. “Os pacientes serão atendidos aqui até que a gente possa viabilizar a vaga para atendimento definitivo dos hospitais de campanha”. 

Expansão – Com a entrega, a rede municipal de urgência e emergência passa para 412 leitos – um incremento de 23% do total de leitos existentes (335). Além do gripário em São Cristóvão, a Prefeitura mantém outras cinco unidades com o mesmo perfil assistencial, em um total de 77 leitos. As unidades funcionam nas UPAs dos Barris, Paripe, Pirajá/Santo Inácio e Pau Miúdo e, ainda, na Ilha de Bom Jesus dos Passos.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A rede de assistência à saúde de Salvador passa a contar mais um reforço para o tratamento de pacientes infectados com o novo coronavírus. A Prefeitura inaugurou, nesta sexta-feira (19), uma unidade com suporte ventilatório pulmonar com dez leitos de UTI, dentro da área da UPA de Valéria. A estrutura foi entregue pelo prefeito Bruno Reis, que esteve acompanhado pela vice-prefeita e secretária de Governo (Segov), Ana Paula Matos, e pelo titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Leo Prates.

O serviço possui ampla variedade de equipamentos médico-hospitalares, mobiliários e insumos condizentes com a necessidade da assistência no âmbito da Rede de Urgência e Emergência do município. O espaço funciona via demanda regulada, em regime de 24 horas durante todos os dias da semana.

O corpo técnico é composto por 74 trabalhadores da saúde, entre médicos diaristas, médicos plantonistas, enfermeiros e fisioterapeutas na modalidade intensivista. Além disso, atuam no local assistente social, farmacêutico, nutricionista, coordenador de enfermagem, coordenador médico, supervisor administrativo, técnico de enfermagem, técnico de radiologia, entre outros trabalhadores da saúde.  

O prazo estimado para a operação da tenda é de pelo menos 90 dias (prazo que pode se estender conforme a necessidade) e o investimento mensal será de R$674,6 mil. A gestão será feita pela organização social Fundação ABM de Pesquisa e Extensão na Área da Saúde (Fabamed).

Esforços – O prefeito explicou que a implantação da unidade com suporte ventilatório pulmonar é uma iniciativa pioneira na cidade e levou em consideração o cenário epidemiológico da Covid-19, em decorrência do aumento do número de casos e da letalidade da nova cepa atualmente circulante. 

“Essa iniciativa é fruto da experiência dos 11 meses de pandemia e vai ajudar na retaguarda da UPA. A unidade é mais que um gripário, pois todos os leitos possuem respiradores e podem receber pacientes para intubação. As pessoas poderão ser tratadas aqui até serem reguladas para um hospital de referência”, disse Bruno Reis. 

O chefe do Executivo municipal comparou que, no ano passado, o hospital de campanha do Wet’n Wild, na Paralela, comportava duas tendas com total de 70 leitos – hoje essa mesma quantidade está dividida entre os hospitais Sagrada Família, no Bonfim, e no Santa Clara, no Itaigara. “Diferente das tendas, essas estruturas fixas dão qualidade ao serviço, porque já têm ar-condicionado e sistema de oxigênio”, exemplificou.

Ele reforçou que, com os dez novos leitos, a capital baiana supera a quantidade de vagas de UTI que havia no auge da primeira onda da pandemia. Na prática, a cidade passa a ampliar para 216 o número de leitos de unidade de cuidados críticos, além das 229 vagas de enfermaria existentes, totalizando 445 leitos de internação a cargo da administração municipal.

 

 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A vacinação contra o coronavírus em Salvador terá prosseguimento na próxima segunda-feira (15), desta vez para os idosos com idade igual ou superior a 84 anos. A medida pôde ser tomada após balanço da pasta sobre as doses que ainda estão disponíveis no estoque. Neste sábado (13) e domingo (14), a estratégia está suspensa.

As doses estarão disponíveis exclusivamente para os idosos das 8h às 17h, nos drive-thrus do 5º Centro de Saúde, nos Barris; Atakadão, em Fazenda Coutos; Parque de Exposições, na Paralela; e na Arena Fonte Nova, em Nazaré. As salas de vacina do 5ª Centro, USF Plataforma, USF Cajazeiras X e CSU Pernambués também atenderão o público-alvo.

Caso o idoso não esteja na lista, é necessário fazer o recadastramento do SUS através do site recadastramento. saude. salvador. ba. gov. br ou diretamente no 5ª Centro de Saúde. Se ele estiver presente no ato, poderá ser imunizado imediatamente.

De acordo com o titular da pasta, Leo Prates, a administração municipal aguarda por nova remessa de doses pelo Governo Federal para prosseguir com a estratégia de novas imunizações na capital baiana. “Montamos toda uma estrutura e, infelizmente, temos que interromper por que não há mais vacinas para o fluxo desejado. O Governo Federal oscila na divulgação de uma data definitiva de envio e dependemos deles para seguir protegendo a população. Assim houver um posicionamento, estaremos retomando as etapas da vacinação”, explicou.

Balanço – Desde o dia 19 de janeiro, foram encaminhadas 116.980 vacinas das fabricantes CoronaVac e Oxford. Até às 17h desta sexta-feira (12), cerca de 112 mil pessoas receberam a primeira dose na capital – 85,6 mil trabalhadores da saúde, mais de 1,4 mil pessoas que residem em Instituições de Longa Permanência e cerca de 22 mil idosos acima de 85 anos.

Vacina Express – As equipes volantes que realizam a imunização domiciliar preferencialmente dos idosos acamados ou com dificuldade de locomoção seguirão com a estratégia de imunização em casa nesta segunda-feira (15), para o público já agendado. Só poderão fazer a solicitação do serviço domiciliar os idosos que estejam nas faixas etárias contempladas, através do site http://vacinaexpress.saude.salvador.ba.gov.br/  .

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault
Os idosos a partir de 90 anos serão contemplados exclusivamente com a vacinação para o coronavírus em Salvador, neste domingo (7), das 8h às 17h, obedecendo o cronograma divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS). A pasta já vacinou mais de 5,7 mil idosos entre 91 a 94 e igual/superior a 95 anos.
 
Os pontos de imunização serão o drive-thru do 5º Centro de Saúde Clementino Fraga, nos Barris, e no Atacadão em Fazenda Coutos. Além disso, as salas de vacina do 5ª Centro, da USF Plataforma, da USF Cajazeiras X e do CSU Pernambués funcionarão para o atendimento exclusivo a este público-alvo.
 
Para saber se o nome está na relação das pessoas habilitadas a receberem a dose ou, ainda, solicitar a inclusão na lista para vacinação em casa, basta acessar o site vacinaexpress.saude.salvador.ba.gov.br . Quem não estiver com o nome na lista pode se cadastrar no 5º Centro e receber a vacina.
0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A vacinação contra a Covid-19 em Salvador será ampliada para trabalhadores de serviços de saúde que atuam em diversas funções e idosos a partir de 80 anos. O prefeito Bruno Reis anunciou nesta quarta-feira (3), em coletiva virtual no Palácio Thomé de Souza, a nova estratégia que tem como meta alcançar 78 mil pessoas.

A partir desta quinta-feira (4), a imunização será feita em profissionais que atuam em clínicas, consultórios, multicentros, entre outros tipos de unidades de saúde que estão inseridas no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) – a consulta pode ser feita pelo site da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), no endereço www.saude.salvador.ba.gov.br . Só neste segmento, cerca de 48 mil cidadãos estão sendo convocados para receber as doses. 

Conforme anunciado pelo prefeito, o trabalhador que já estiver cadastrado no site pode se dirigir a um dos 16 pontos de vacinação ou em drive-thrus montados para a estratégia, portando o último contracheque. Os drive-thrus funcionarão no Centro de Convenções, na Boca do Rio; na Arena Fonte Nova, em Nazaré; e no Parque de Exposições, na Avenida Paralela. 

Já os pontos fixos serão: USF São José de Baixo (Distrito Sanitário Itapagipe), UBS Sete de Abril (DS Pau da Lima), USF Dr. Carlos Santana (DS Cabula), USF Pirajá (DS São Caetano/Valéria), UBS Nelson Piauhy Dourado (DS Cajazeiras), USF Federação (DS Barra Rio Vermelho), Centro de Saúde Virgílio de Carvalho (DS Centro Histórico) e USF Vale do Matatu (DS Brotas).

Também integram a lista a USF Itapuã (DS Itapuã), USF Resgate (DS Cabula/Beiru), USF Cajazeiras V (DS Cajazeiras), USF Imbuí (DS Boca do Rio), USF Colina de Periperi (DS Subúrbio Ferroviário), CSU Castelo Branco (DS Pau da Lima), Centro de Saúde Péricles Laranjeiras (DS São Caetano/Valéria) e USF San Martin III (DS Liberdade).

Documentação – Especificamente ao profissional que não estiver com o nome no site deverá comparecer ao centro de vacinação que funcionará na Faculdade Bahiana de Medicina de Brotas (FBDC). Será necessário apresentar declaração cujo modelo está disponibilizado pela SMS no site oficial, bem como o último contracheque.

“Neste caso, é importante o trabalhador levar uma declaração do estabelecimento no qual ele atua e outra declaração que pode ser preenchida a próprio punho. Tudo isso serve para organizar e agilizar o processo, evitando eventuais ‘fura-fila’”, reforçou o Bruno Reis. 

Este processo de vacinação para trabalhadores de serviços de saúde ocorrerá de quinta (4) a domingo (7). Compreende tanto profissionais de saúde como dentistas, enfermeiros, fonoaudiólogos, entre outras profissões, quanto trabalhadores de apoio, como recepcionistas, segurança, administrativo, entre outros.

Idosos – A vacinação contra a Covid-19 também chegará a idosos em novo grupo etário. A partir de segunda-feira (8), as doses serão destinadas a indivíduos com idade igual ou superior a 85 anos. Já a partir de quinta-feira (11), a imunização será voltada a idosos com idade igual ou superior a 80 anos. A estimativa é alcançar 30 mil pessoas desse público-alvo.

A estrutura para esta ação contará com três drive-thrus: no 5º Centro, na Avenida Centenário; Atakadão de Fazenda Coutos, no Subúrbio; e Parque de Exposições, na Avenida Paralela. Além disso, quatro postos estarão aptos para a estratégia. São eles o 5º Centro, USF Plataforma, USF Cajazeiras/Jaguaripe e CSU Pernambués.

Os idosos a partir de 80 anos podem consultar se o nome está na relação das pessoas habilitadas para se vacinarem e também poderá solicitar a inclusão na lista para vacinação em casa, através do site vacinaexpress.saude.salvador.ba.gov.br . A quantidade máxima aumentou de 70 para 100 agendamentos por dia, sendo 30 exclusivos para idosos acamados. Quem não estiver com o nome na lista pode se cadastrar no 5º Centro e receber a vacina.



0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) convocou mais 103 técnicos de enfermagem para atuar na vacinação contra o coronavírus em Salvador. A lista foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) desta terça-feira (2). Os profissionais chamados estavam no cadastro de reserva do último Processo Seletivo Simplificado da pasta.

A nova contratação temporária é realizada através do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda). A medida está prevista no Plano Municipal de Imunização para reforçar a estratégia de vacinação.

No intuito de evitar aglomeração por conta da pandemia do coronavírus, a apresentação dos convocados acontecerá de forma escalonada, na próxima segunda (8) e terça-feira (9), na sede da SMS, no bairro do Comércio. As informações sobre horários de apresentação dos candidatos estão dispostas na publicação do DOM.

 

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...