Lazer

0
0
0
s2sdefault

Após o sucesso de público e ampliação da iluminação natalina por mais de um mês, a Prefeitura vai recolher a decoração da Praça Dois de Julho, no Campo Grande, neste domingo (27). As atividades se encerram em função do início da montagem da estrutura do Carnaval. Para quem ainda não foi, a programação contempla o show de luzes natalinas e apresentações da Banda da Guarda Civil Municipal (GCM) hoje (25) e amanhã (26), a partir das 18h.

A diversão para a garotada também está garantida. O parque de brinquedos infláveis montado na praça também permanece até o domingo (27). De acordo com a Diretoria de Iluminação Pública (DSIP), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), responsável pela decoração luminosa no local e montagem dos brinquedos, a espécie de “colônia de férias” gratuita foi um sucesso, tendo prazo estendido por conta da aceitação do público.

Diversidade de brinquedos - No parque inflável, a meninada poderá se divertir no castelão pula-pula e piscina de bolinhas, espaço baby, touro mecânico e guerra de cotonetes. O tempo de duração varia em cada brinquedo. O pula-pula com bolinhas dura três minutos, assim como o espaço baby. O touro mecânico é o tempo que a criança conseguir ficar sem cair. Na guerra de cotonetes, entram duas crianças e a que for derrubada sai e dá a vez para outra. A diversão no tobogã dura o tempo de subir e descer. Para todos os brinquedos, a idade limite é de 12 anos.

Estrutura completa - Quem fizer a escolha, terá o suporte para estacionamento. Para evitar transtornos, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) está ordenando o trânsito na região e disponibiliza mais 150 vagas Zona Azul, a depender do fluxo. Os preços são os mesmos: R$3 por 2h, R$6 por 6h, e R$9 por 12h. Os condutores poderão optar por pagar a qualquer guardador devidamente credenciado ao Sindicato dos Guardadores ou por meio de um dos seis aplicativos do Zona Azul Digital.

Com o intuito de garantir a segurança, agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) reforçam a atividade de proteção ao patrimônio público e prevenção à violência. A ação tem apoio da Polícia Militar da Bahia (PM-BA). A limpeza do local e dos sanitários químicos fica por conta dos agentes da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), que também trabalham na praça durante o final de semana.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O projeto Para Praia, iniciativa da Prefeitura, por meio da Secretaria Cidade Sustentável e Inovação (Secis), e demais parceiros, que promove o banho de mar assistido para deficientes físicos e mobilidade reduzida, volta a Salvador neste sábado (26), das 8h às 12h. Dessa vez, os banhistas curtirão as águas da Praia da Boa Viagem.

Desde que foi lançado, há cinco anos, Para Praia já atendeu a 1,5 mil pessoas em Salvador, nas praias de Ondina, São Tomé de Paripe, Farol de Itapuã, Ribeira e Arembepe. Neste ano, o programa já passou pelas praias de Itapuã e Arembepe, esta última localizada no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Com cadeiras anfíbias e acessórios flutuantes, professores e alunos dos cursos de Fisioterapia, Enfermagem e Educação Física da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (EBMSP) dão assistência às pessoas com deficiência, proporcionando a muitos o banho de mar pela primeira vez. Guardas municipais e salva-vidas também dão reforço à ação.

São montados também uma área para atividades recreativas, banheiros especiais, pistas de acesso, lounges em tendas e o refrescante banho no chuveirão. Nesta edição, o ParaPraia tem o patrocínio da Braskem e Salvador Shopping, apoio da Cetrel, Itmov e Citelum e produção da Outros 500 Marketing e Nossa Agência Marketing.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Crianças até 12 anos poderão aproveitar, em mais um fim de semana, os diversos brinquedos infláveis que foram instalados no Largo Dois de Julho (Campo Grande). A iniciativa da Diretoria de Iluminação Pública (DSIP), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), ocorre pelo segundo fim de semana consecutivo. Segundo a pasta, ainda está prevista mais uma edição na próxima semana, encerrando o ciclo da ação.

Nesta sexta-feira (18), às 18h, se apresenta a Banda do Exército para embalar o clima divertido que toma conta do espaço. No sábado (19), a Banda da Guarda Civil Municipal (GCM) também irá se apresentar a partir das 18h. Além dos brinquedos, as famílias poderão aproveitar um pouco mais da decoração natalina no período noturno, que teve duração estendida por conta do sucesso obtido com os soteropolitanos em dezembro.

Garantindo a segurança do público presente, agentes da Guarda Civil vão reforçar a atividade de proteção ao patrimônio público e prevenção à violência. A ação terá apoio da Polícia Militar da Bahia (PM-BA). A Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) também irá apoiar a programação mantendo o espaço e os sanitários químicos limpos.

Estacionamento – Os pais que optarem por um fim de semana na praça com a garotada terá o apoio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) para estacionar com comodidade. Equipes do órgão estarão de prontidão atuando na região ordenando o trânsito e orientando a respeito da Zona Azul. Os valores permanecem os mesmos R$3 por 2h, R$6 por 6h e R$9 por 12h.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O calendário de festas populares segue acalorado na capital baiana. Após a passagem da Lavagem do Bonfim, nesta quinta-feira (17), baianos e turistas já se preparam para mais uma comemoração. Logo nesta segunda-feira (21) acontece a “Segunda-feira Gorda da Ribeira”. Dez dias depois, 31, as festividades homenageiam São Lázaro. As festas não param. Dia 2 de fevereiro é dia de saudar a Rainha do Mar, Iemanjá. Depois da última festa religiosa, a capital oficial do Verão ainda será palco do Fuzuê, Furdunço, Pipoco e da maior festa de rua do planeta, o Carnaval.

Responsável pela organização do calendário oficial de eventos da cidade, o presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, explica que as festas são essenciais para a economia local. “Preparamos a cidade para o ano inteiro, mas Salvador tem um apelo natural para o Verão, com uma Orla enorme e belíssima. Muitos desses eventos surgiram do querer do povo. Hoje, essas festas se tornaram patrimônio, são essenciais para o crescimento da cidade”, diz.

No último domingo do mês, dia 31, a Festa de São Lázaro segue acalorando o calendário de festividades de Salvador. O evento é marcado por celebrações, tríduo e procissão pelas ruas do bairro da Federação. Apesar da origem católica, o festejo tem a forte participação do candomblé, que homenageia Omolu, com a lavagem da escadaria da igreja de São Lázaro, velas acesas e banho de pipoca. A Igreja de São Lázaro guarda a Sala dos ex-Votos, a Capela dos Milagres e, nesta sala, os fiéis podem depositar objetos que expressem sua gratidão e fé.

Manifestação de fé também no dia 2 de fevereiro. Devotos de Iemanjá vão ao Rio Vermelho homenagear a Rainha do Mar, conhecida e adorada na Bahia e em todo Brasil. Sua história é contada por diversos povos e representantes de muitas religiões. Iemanjá era filha de Olokun, soberano do mar. O nome Iemanjá foi dado pois significa “mãe dos filhos peixes”. Como presente, Olokun deu para Iemanjá uma poção que a ajudasse a fugir de qualquer perigo e a aconselhou a usar somente quando realmente precisasse, pois ele não poderia estar sempre por perto para ajudá-la. A Rainha do Mar guardou a poção com carinho e seguiu com a sua vida, até o seu primeiro casamento. Ela se casou com Oduduá e teve dez filhos orixás. Então, a partir desse momento, ficou conhecida como mãe de todos os orixás, por isso tamanha devoção a Iemanjá.

O pré-carnaval do Fuzuê acontece no dia 23 de fevereiro, quando baianos e turistas desfilam no Circuito Orlando Tapajós, no contra-fluxo no circuito Dodô (de Ondina em direção à Barra), atrás das bandinhas, lembrando o melhor dos antigos Carnavais. No dia seguinte, 24, tem mais folia no percurso feito pelos minitrios no Furdunço. A pausa será apenas na segunda-feira, 25. Na terça-feira, dia 26, tem mais maratona carnavalesca com o Pipoco, que acontece no mesmo trajeto do Fuzuê e Furdunço. E a festa não para: no dia seguinte, é dada a largada para maior festa de rua do Brasil, o Carnaval de Salvador.

O presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, faz questão de pontuar que todas as festas são analisadas e pensadas ao longo do ano. “O nosso calendário de festas populares e o Carnaval são exemplos disso. Então tratamos esses eventos de forma séria, com planejamento estrutural que conta com o apoio de todas as secretarias municipais e também com os órgãos de segurança pública do estado”, reforça.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O som começa por volta das 18h no Deck do Forte de Santa Maria, nesta sexta-feira (18). O multi-instrumentista baiano Luciano Calazans dará, junto com sua banda, os primeiros acordes de mais uma edição do projeto Viver Barra. O show do músico segue até as 19h30. Para quem nunca viu o show musical de Luciano, esse é o momento certo. O artista conhecido como Maestro Azul, apelido dado pelo cantor Saulo, tem 30 anos de carreira e é um dos grandes “Monstros” musicais da Bahia. Requisitado, o músico possui seu nome escrito na ficha técnica de mais de 700 álbuns gravados por artistas do Brasil e do mundo.

Para encerrar a grande noite, a Banda Dona Iracema faz show a partir das 19h45. A Dona Iracema se lançou no cenário musical baiano com uma nova proposta, denominada Caatincore Iracemático, enfatizando um estilo próprio que foi, ao longo dos anos, se consolidando e se tornando o conceito artístico da banda. O grupo sempre procurou experimentar, dialogando com diversos estilos musicais, como rock, baião, forró, axé e até mesmo o arrocha, trabalhando diversas temáticas em suas letras. Primeiro, veio o EP “Dona Iracema” (2013), depois o “Um pouco de CD” (2014), “Máquina de Amarrar Jegue” (2016), e o mais recente lançamento “Caatincore Iracemático” (2018), que leva em seu título a proposta musical da banda.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Pensando em uma programação divertida e gratuita para a garotada durante o final de semana? A opção pode estar no Campo Grande, no Centro de Salvador. No local, além iluminação natalina, que teve o prazo estendido por conta do sucesso de público, as crianças podem curtir brinquedos infláveis gratuitos na Praça Dois de Julho. A iniciativa da Diretoria de Iluminação Pública (DSIP), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e responsável pela decoração luminosa no local, se entende até o domingo (13), sempre das 16h às 20h.

Morador do Campo Grande há oito anos, o servidor público Zenilton Barbosa, 40 anos, foi um dos primeiros a chegar à praça. Encantada com a piscina de bolinhas, a filha Yolanda, de apenas 2 anos, logo correu em direção ao brinquedo. “Iniciativa excelente, principalmente para as famílias mais carentes que não têm a opção de pagar pela diversão. Eu gostei muito e no final de semana tenho certeza que vai lotar”, disse.

O colorido das seis opções dos brinquedos infláveis chamou atenção da pequena Giovana Machado, de 4 anos, que voltava do médico, ali mesmo na região do centro. A mãe e técnica de segurança do trabalho, Silvana Machado, 38 anos, não resistiu ao apelo da pequena e parou por meia hora para que ela brincasse no touro mecânico. “Simplesmente maravilhoso esse parque aqui. Passei rapidinho e vou voltar no domingo. A Praça do Campo Grande é um lugar para o povo e melhor ainda com parque para meninada”, destacou.

Estrutura completa - Quem fizer a escolha, terá o suporte para estacionamento. Para evitar transtornos, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) está ordenando o trânsito na região e disponibiliza mais 150 vagas Zona Azul, a depender do fluxo. Os preços são os mesmos: R$3 por 2h, R$6 por 6h, e R$9 por 12h. Os condutores poderão optar por pagar a qualquer guardador devidamente credenciado ao Sindicato dos Guardadores ou por meio de um dos seis aplicativos do Zona Azul Digital que podem ser

Com intuito de garantir a segurança, agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) reforçam a atividade de proteção ao patrimônio público e prevenção à violência. A ação tem apoio da Polícia Militar da Bahia (PM-BA). A limpeza do local e dos sanitários químicos fica por conta dos agentes da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), que também trabalham na praça durante o final de semana.

Agentes da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), com apoio do Conselho Tutelar, também estão presentes para fazer ações que envolvem abordagem social, combate ao trabalho infantil, assistência a crianças desacompanhadas ou em situação de risco. O ordenamento de ambulantes é feito por agentes de fiscalização da Semop.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O grupo de músicos profissionais formado por amigos, o Bago de Jazz, fará a festa para o público que estiver no deck do Forte Santa Maria para acompanhar o projeto Viver Barra, nesta sexta-feira (11), a partir das 18h. Quem completa a noite cantando o melhor da MPB é a jovem cantora baiana Alícia Castro, que faz show a partir das 19h45.

O Viver Barra é um projeto da Prefeitura, realizado através da Empresa Salvador Turismo (Saltur). O projeto será realizado também nas demais sextas-feiras do mês de janeiro com o objetivo de levar lazer e cultura durante o verão a um dos bairros mais queridos por soteropolitanos e turistas.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Para as crianças aproveitarem as férias escolares com muita diversão, Salvador dispõe de variadas opções de lazer: praças nos bairros, Parque da Cidade, praias e museus são alguns dos atrativos que podem tornar os dias dos pequenos mais animados. Alguns passeios são apenas de entretenimento e outros unem ludicidade com educação.

No Parque da Cidade Joventino Silva, no Itaigara, a população encontra um grande espaço de recreação ao ar livre. É um bom lugar para que o público infantil entre em contato com a natureza e possa brincar à vontade. As famílias costumam fazer piqueniques nos gramados, principalmente, nos fins de semana. As crianças podem se revezar entre o parque infantil, pista de skate, quadras de futevôlei e de futebol ou apreciar as artes plásticas, como a Sala de Estar de Bel Borba.

Outra atração permanente é o Cantinho da Leitura, na Praça Jacarandá, onde é possível deixar um livro e levar outro. Cinco minibibliotecas em formato de casinhas do projeto Livres Livros recebem a reposição de 150 exemplares semanalmente, inclusive de estórias infantis.

Além de toda essa programação permanente, a área recebe frequentemente atividades programadas, como roda de conversa, palestra, pinturas, campeonatos e apresentações. Com segurança durante 24 horas por dia, por meio da Guarda Civil Municipal (GCM), o Parque da Cidade funciona normalmente, de 5h às 22h, durante a semana, e de 5h às 19h, nos finais de semana.

Museus – No campo cultural, a cidade apresenta o sucesso da Casa do Carnaval, que conta a história da folia baiana através de maquetes, roupas e instrumentos disponibilizados por artistas que já participaram da festa. O espaço, situado no Centro Histórico, ao lado do Plano Inclinado Gonçalves, é indicado para todas as faixas etárias e as crianças podem aprender enquanto se divertem.

O acervo dispõe de fotos e documentos históricos e dois cinemas interativos, em que os visitantes podem aprender ritmos do Carnaval caracterizados e com a ajuda de monitores. A Casa do Carnaval está aberta a visitações de terça-feira a domingo, das 11h às 19h, com ingressos custando R$30 (inteira) e R$15 (meia).

Há ainda, a Casa do Rio Vermelho, imóvel onde o casal de escritores Jorge Amado e Zélia Gattai morou. Na famosa residência situada na Rua Alagoinhas, 33, os visitantes conhecem um pouco da rotina dos antigos donos através de peças de vestuário, manuscritos, obras de arte e vídeos interativos espalhados nos diversos ambientes do imóvel. A Casa do Rio Vermelho abre de terça a domingo, das 10h às 17h. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Na Barra, dois museus à beira-mar também encantam os cidadãos: os espaços Pierre Verger da Fotografia Baiana, no Forte Santa Maria e Carybé de Artes, no Forte São Diogo, que trazem obras significativas desses artistas. Os equipamentos ficam abertos de quarta a segunda, das 11h às 19h. Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 e dão direito a visitar os dois museus da Barra.

A Casa do Rio Vermelho e os Espaços Carybé de Artes e Pierre Verger têm entrada gratuita às quartas-feiras. De quarta a sábado, o Espaço Carybé de Artes terá entrada gratuita, a partir das 18h, para a apresentação da Orquestra Sinfônica da Bahia, com entrada sujeita à lotação.

Praças – A Praça Dois de Julho, no Campo Grande, tem sido um dos destaques de lazer ao ar livre com a iluminação especial natalina, implantada no local pela Prefeitura e que reuniu, no mês de dezembro, cerca de 600 mil pessoas. O grande sucesso motivou a administração municipal a estender a iluminação até o fim de janeiro. Dentre as principais atrações está o túnel luminoso com som sincronizado – o repertório variado reúne desde hits internacionais até sucessos da axé-music. Além disso, desta quinta-feira (10) até domingo (13), as crianças terão acesso gratuito a brinquedos infláveis, das 16h às 20h.

Além do Campo Grande, a população também pode aproveitar os cerca de 400 espaços de convivência e lazer construídos ou requalificados pela Prefeitura, desde 2013, em 163 bairros da cidade. A nova configuração desses equipamentos públicos dá o ar de um verdadeiro playground, além de garantir aos cidadãos a diversão dos filhos sem grandes custos e, claro, estimular o contato com outras crianças.

As áreas recreativas são adaptadas com rampas, piso tátil e brinquedos com acessibilidade, contribuindo para a inclusão das crianças com deficiências em parques infantis. Nos espaços, os pequenos contam com novidades como a Casa de Tarzan, o Parque dos Dinossauros e o Espaço Games.

Praias – Salvador conta com mais de 50 quilômetros de praias para a alegria da criançada que, em geral, adora o banho de mar e as brincadeiras na faixa de areia. Os pais e responsáveis precisam apenas ficar atentos aos riscos de afogamento e de perder os pequenos. Além disso, trechos de orla requalificados, a exemplos do Rio Vermelho, São Tomé de Paripe, Ribeira e Itapuã, possuem atrativos como quadras e parque infantil.

 

Para evitar incidentes nas praias, o Município intensifica a atuação dos salva-vidas no verão com a distribuição de um efetivo de 281 agentes em 31 postos fixos e 20 móveis no trecho entre o Jardim de Alah e Ipitanga, e as ilhas pertencentes ao Município. Além disso, a Coordenadoria de Salvamento Marítimo (Salvamar) promove a campanha de identificação de crianças nas praias com utilização de pulseirinhas e, ainda, distribui panfletos informativos com dicas para um banho de mar seguro.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Música erudita ao ar livre, concertos sinfônicos de graça; para qualquer um. Essa é a ideia do projeto "Verão da Osba", promovido pela Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), com apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult). O evento acontece entre hoje (9) e sábado (12), no mirante do Forte São Diogo, no Porto da Barra. O público poderá conferir apresentações de grupos de câmara e concertos sinfônicos, sempre a partir das 18h. A entrada é gratuita, mas está sujeita à lotação do espaço.

Nesta quarta (09) e quinta (10), os grupos de câmara Bahia Cordas, Quadro Solar e Quarteto Novo se apresentam às 18h. Em seguida, às 19h30, é a vez do Quinteto de Metais da OSBA. Já na sexta (11) e sábado (12), a formação completa da OSBA apresenta um repertório de serenatas, sob a regência do maestro Carlos Prazeres. No concerto das 18h, a orquestra apresenta serenatas compostas por A. Nepomuceno, E. Elgar e A. Dvorák, enquanto na das 20h, será executada uma serenata de J. Brahms. As senhas serão distribuídas uma hora antes do início dos espetáculos.

Novos públicos - O secretário municipal de Cultura e Turismo, Claudio Tinoco, ressalta a realização do projeto após a restauração completa do Forte São Diogo, realizada pela Prefeitura. "Esta edição traz algo diferenciado porque está sendo realizado em um equipamento que foi restaurado pela Prefeitura e implantado um equipamento cultural em um espaço de arte, num dos pontos mais cobiçados de Salvador, que é o Porto da Barra".

O líder da pasta acredita que o projeto "Verão da Osba" é uma oportunidade de formar novos públicos para esse tipo de música. "Além das pessoas que já são afeitas a esse estilo, tem um público que não tem acesso a esse tipo de música. Ano passado foi um sucesso, e eu tenho certeza que este ano também será", completou o secretário.

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...