Geral

0
0
0
s2sdefault

Desconhecido por boa parte da população de Salvador, o Subúrbio Ferroviário é um território que orgulha os moradores ou quem já visitou a região. Rico em histórias e beleza pouco explorada, o local será assunto no Diálogo Boca de Brasa, que traz como tema “A periferia e suas belezas”. O encontro será transmitido no sábado (27), às 16h, no canal oficial dos Espaços Boca de Brasa no YouTube. 

A edição deste mês traz como convidados a fotógrafa e moradora de Plataforma, Camila Souza; a diretora audiovisual e produtora cultural, Mira Silva; e o artista plástico e arte-educador, Zaca Oliveira. Eles vão falar das suas respectivas realidades e de que modo isso reflete no olhar de cada um sobre a periferia. 

A atividade finaliza a programação deste mês da Ocupação Artística Boca de Brasa Remonta, no Espaço Cultural Boca de Brasa do Centro de Artes e Esporte Unificado de Valéria (CEU). O evento vem de uma série de encontros feitos no espaço, que tem como objetivo a troca entre a comunidade artística local, profissional e os moradores. 

De acordo com o idealizador da iniciativa e apresentador do programa Periferia de Sucesso, Fabrício Cumming, a intenção é modificar a cara da periferia e mostrar o lado positivo do local. “Muitas vezes a mídia massacra os bairros periféricos de Salvador, não dando a oportunidade de mostrar seu lado positivo como a cultura, culinária e história. Com isso, as pessoas têm medo de visitar as localidades, a exemplo do Subúrbio, não  sabendo o que está perdendo – as belezas escondidas e tantas coisas bacanas que podem ser agregadas”, aponta. 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Ao chegar à metade do tempo previsto para execução, o Projeto Salvador Social já atingiu 80% das metas estabelecidas. Os dados foram apresentados durante missão de acompanhamento por videoconferência, que reuniu durante esta semana gerentes e técnicos do Banco Mundial (Bird) com equipes da Prefeitura. Na abertura dos trabalhos, o prefeito Bruno Reis destacou a importância do projeto para viabilizar ações na área social, prioridade da atual gestão. 

Dentre as metas cumpridas na área de Assistência Social está a reestruturação dos Centros de Referência e Assistência Social (Cras), sendo nove unidades reformadas e 19 com reformas em andamento. Na Saúde, o atendimento da atenção básica teve uma ampliação expressiva de 18% para 56,4%. Já na Educação foram implantados sistemas de monitoramento, acompanhamento e qualificação.  

O Salvador Social é fruto de um financiamento pioneiro da Prefeitura de Salvador. Foi assinado com o Banco Mundial em julho de 2018, no valor inicial de US$125 milhões, para aprimorar a prestação dos serviços sociais, com ênfase em melhorias da eficiência no sistema de saúde, na qualidade da educação e na efetividade da assistência social.  Mais US$125 milhões estão previstos para uma segunda etapa, já aprovada.  

“Além do suporte às ações fundamentais que estão permitindo a constante melhoria dos índices sociais da cidade, o Salvador Social tem um caráter multissetorial, que tem sido essencial na mitigação dos efeitos da pandemia, especialmente no atendimento à população mais carente de Salvador nas áreas de Saúde, Assistência Social e Educação", avalia o secretário da Casa Civil, Luiz Carreira.  

Participaram da missão o gerente do projeto pelo Banco Mundial e diretor no Brasil da área de Desenvolvimento Humano, Pablo Acosta; o diretor da Unidade de Gerenciamento do Projeto pela Casa Civil, Paulo Hermida, de técnicos do Banco Mundial e das secretarias executoras do projeto, além da Controladoria do Município e do Tribunal de Contas do Município (TCM). 

Projeto – A Casa Civil está encarregada da gestão do Salvador Social e, também, pela execução da assistência técnica. Ficam a cargo das secretarias setoriais – Saúde (SMS), Educação (Smed) e de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre) – as ações e cumprimento das metas estabelecidas no contrato em suas respectivas áreas. 

À SMS cabe ampliar o acesso aos serviços de saúde, com foco na eficiência e racionalidade do funcionamento da rede, por meio de ações como a construção de unidades básicas de saúde e de multicentros; melhorar a qualidade dos serviços, capacitar e requalificar profissionais de saúde em serviço e implantar protocolos clínicos e de acesso para organização do fluxo assistencial. 

A Smed tem atuado para garantir o acesso à educação infantil de qualidade, fortalecer as políticas de melhoria do ensino, implantar modelo de gestão para resultados, com ações de fortalecimento da prática de ensino e melhoria do sistema de avaliação e aprendizagem; bem como promover o fortalecimento da capacidade institucional da pasta, dentre outras ações. 

Cabe à Sempre melhorar a estrutura organizacional para assegurar sustentabilidade da oferta de benefícios e serviços, estruturar e adequar a rede de proteção social básica (Cras e conveniadas) e os postos de atendimento do Cadastro Único, além de melhorar a gestão do Cadastro Único para assegurar a identificação da população pobre, tornando-o base para a formulação de políticas sociais.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

As restrições de atividades consideradas não essenciais em Salvador têm início a partir das 18h desta sexta-feira (26) e segue até as 5h de segunda (1º). A medida, conjunta entre Prefeitura e governo do Estado, visa ampliar o isolamento social na cidade para frear o avanço da pandemia do novo coronavírus e evitar um possível colapso no sistema de saúde. 

Conforme especificado pelo decreto nº 33.583, publicado em edição extra do Diário Oficial do Município (DOM) nesta quinta-feira (25), não estão submetidos à suspensão das atividades os estabelecimentos que comercializam alimentos ou que prestam serviços de saúde e utilidade pública, como supermercados, panificadoras, delicatessens e açougues; farmácias; agências bancárias e lotéricas; serviços públicos considerados essenciais; além de estabelecimentos que estejam funcionando em delivery (cujo regime está liberado até meia-noite), e sistema de retirada no local desde que mantidas as portas fechadas ao público.   

Além disso, poderão seguir funcionando serviços de saúde e hospital dia; serviços de imagem radiológica; atendimentos de tratamentos contínuos a exemplo de oncologia, hemoterapia e hemodiálise; laboratórios de análises clínicas; estabelecimentos que forneçam insumos hospitalares; clínicas veterinárias e pets shops, à exceção do serviço de banho e tosa; e postos de combustíveis. 

Escalonamento – O fechamento das atividades não essenciais ocorrerá em etapas, dentro de uma estratégia para evitar aglomerações na saída dos trabalhadores na volta para casa, bem como superlotações no transporte público. 

Desse modo, o comércio de rua deverá fechar às 17h de hoje (26). A partir das 18h, será a vez dos bares, restaurantes, lanchonetes, pizzarias, lojas de conveniência, cafeterias doçarias e similares. Por fim, as atividades comerciais e de serviços localizados em shopping centers e centros comerciais devem ser encerrados às 19h. 

Demais restrições – Salvador e todos os demais municípios baianos também deverão adotar outras restrições com base no decreto estadual nº 20.254. A determinação proíbe a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), a partir de 18h desta sexta (26) até 5h de segunda-feira (1º). 

Também fica vedada a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras durante o período, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações. Segue em vigor o toque de recolher determinado pelo governo do Estado, que restringe a locomoção noturna de pedestres entre 20h e 5h do dia seguinte. 

Além disso, deverão ser suspensos eventos e atividades, independentemente do número de participantes e ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos coletivos e amadores, religiosos, cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas em academias de dança e ginástica. 

Fiscalização – Na capital, um efetivo com 120 profissionais, entre fiscais da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e policiais militares, estará nas ruas para garantir o cumprimento das medidas restritivas. O estabelecimento que for flagrado desrespeitando a determinação estará sujeito a medidas administrativas como interdição e cassação de alvará. Fiscais da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) também darão suporte às operações.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Com a proibição do funcionamento de atividades não essenciais neste final de semana, a Secretaria de Mobilidade (Semob) fará mudanças na operação do transporte público na cidade. Para esta sexta-feira (25), será mantida a operação de transporte montada para o decreto que determina o decreto estadual do toque de recolher. Os últimos ônibus sairão das estações às 21h30, levando os passageiros que chegam pelo metrô. Já nos principais corredores de tráfego, a última viagem será às 20h30.

Já no sábado (27) e domingo (28), a frota de ônibus será reduzida, em razão do fechamento do comércio. De acordo com o decreto, somente poderão funcionar estabelecimentos comerciais que prestam serviços relacionados à saúde, como farmácias e clínicas, ou que comercializam alimentos, como mercados e padarias.

Desta forma, 507 veículos, cerca de 80% da frota que circula aos domingos, além de 12 reguladores, farão o transporte de passageiros em 231 linhas durante o final de semana. Assim como na operação para o toque de recolher, os ônibus começarão a circular às 5h e as últimas viagens sairão 21h30 das estações de transbordo.

Transporte particular – Táxis, mototáxis e motoristas por aplicativo poderão circular normalmente durante todo o final de semana, garantindo o atendimento do serviço à população. Já após as 20h, a circulação deverá respeitar as determinações do toque de recolher, comprovando a necessidade de atendimento às situações especificadas como exceção, a exemplo de serviços de saúde e farmácia, ou em que fique comprovada a urgência do deslocamento. Também serão mantidos os atendimentos no aeroporto e rodoviária, para garantir o transporte de passageiros nestes locais.

Ascensores – Os planos inclinados da Liberdade, Pilar e Gonçalves também terão seu horário alterado para atender o decreto. Nesta sexta-feira (26), todos funcionarão normalmente, das 8h às 17h. Já no sábado e domingo, os três equipamentos estarão fechados para o público.

Já o Elevador Lacerda não sofrerá alterações em seu funcionamento entre esta sexta-feira e domingo. O equipamento manterá seu atendimento das 7h às 20h, com a tarifa de R$0,15.

 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

O atendimento exclusivamente on-line adotado pelo Serviço de Intermediação de Mão-de-Obra (Simm), devido às restrições provocadas pela pandemia de Covid-19 em Salvador, tem sido avaliado como positivo pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec). Em apenas três dias dessa nova modalidade, foram registrados 607 atendimentos, de um total de 762 agendamentos feitos previamente pelos candidatos às vagas de emprego.

A secretária da Semdec, Mila Paes, ressalta que, proporcionalmente aos números de agendados x atendidos, o serviço on-line demonstrou uma maior efetividade. Segundo Mila, no modo presencial, o número de candidatos que acabam não comparecendo à seleção é bem maior, principalmente nesse momento de pandemia. “Este novo modelo operacional inicia uma nova dinâmica de transformação digital do Simm que já estava sendo desenhada, no sentido de agilizar o atendimento do nosso público”, observa.

O novo modelo digital será realizado, inicialmente, até 8 de março e atende à determinação municipal de suspensão dos atendimentos presenciais nos serviços públicos considerados não essenciais, visando o combate à pandemia do coronavírus.

Atendimento – O horário de atendimento do Simm é realizado excepcionalmente das 7h30 às 15h. Os candidatos são inicialmente abordados pelos atendentes, que consultam os dados e currículos. Caso estejam adequados aos requisitos das vagas, eles são encaminhados para entrevistas com o psicólogo do órgão via chat.

Os usuários que já fizeram o agendamento são contatados por um funcionário do Simm. Portanto, quem é cadastrado no site www. agendamentosemtel. salvador. ba. gov. br deve atualizar o número do WhatsApp, para que o serviço entre em contato no dia e hora que foram marcados previamente. A medida refere-se aos serviços relacionados às ofertas de emprego, Simm, Simm Mulher, Simm PCD e atendimento de orientação ao Microempreendedor Individual (MEI).

A diretora do Trabalho e Empreendedorismo, Maria Eduarda Lomanto, destaca a rapidez na adaptação da equipe de atendimento ao ambiente digital, realizando conversas com os usuários por meio digital de uma forma objetiva e cuidadosa. “Sempre com o propósito de pensar na saúde do cidadão, em diminuir a circulação das pessoas nas ruas da cidade, focando a importância e a necessidade da empregabilidade”, pontua.

Maria Eduarda explica que esta fase experimental da rotina on-line está sendo aperfeiçoada para viabilizar um maior atendimento ao público. “Vamos aumentar essa agenda, reduzindo o tempo de atendimento à medida que os colaboradores do Simm estiverem treinados nessa nova modalidade”, diz.

Treinar para empregar – Para a diretora do Trabalho e Empreendedorismo, o grande desafio do Simm é aumentar cada vez mais o número de encaminhamentos para as empresas. “Uma das alternativas é a flexibilização dos critérios exigidos nas vagas, como a experiência em carteira que pode ser substituída pelo processo de qualificação. Esta é uma das propostas do Programa Treinar para Empregar, que está em fase de elaboração. A nossa intenção é abrir um canal de diálogo permanente e promover um processo de sensibilização com o empresariado. Queremos treinar para empregar mais, beneficiando tanto o candidato, quanto o empresário”, finaliza a diretora.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A vacinação contra a Covid-19 para idosos e profissionais de saúde prossegue neste fim de semana em Salvador. De acordo com o novo cronograma da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), a aplicação da primeira dose para os cidadãos a partir de 81 anos e de 80 anos ou mais foi antecipada para sábado (27) e domingo (28), respectivamente.

No caso dos profissionais de saúde, será retomada a vacinação da primeira dose e continua a aplicação da segunda dose, de acordo com a indicação no cartão de vacinação. As imunizações acontecem das 8h às 17h.

Nesta sexta-feira (26), serão imunizados os idosos com 82 anos ou mais. No sábado (27), é a vez dos cidadãos a partir de 81 anos. No domingo (28), a primeira dose será aplicada para idosos com 80 anos ou mais.

A imunização para este público acontece nos drive-thrus localizados no 5º Centro de Saúde Clementino Fraga (Barris), Parque de Exposições (Paralela) e Atakadão Atakarejo de Fazenda Coutos. Os pontos fixos estão localizados no 5º Centro de Saúde, USF Resgate, USF Santa Luzia, USF Federação, USF Plataforma e USF Cajazeiras X.

Profissionais de saúde – Os profissionais de saúde que estiverem cadastrados no site, com consulta a ser feita pelo www. saude. salvador. ba. gov. br, poderão ser imunizados com a primeira dose de hoje (26) até domingo (28), no drive-thru da Arena Fonte Nova e nos postos fixos da USF Vista Alegre, UBS Virgílio de Carvalho, UBS Nelson Piauhy Dourado e USF Curralinho. Na ocasião, devem apresentar cópia do último contracheque e documento oficial com foto.

Por sua vez, os trabalhadores que não encontrarem o nome do site devem se dirigir ao drive-thru e posto fixo da Faculdade Bahiana de Medicina (FBDC), em Brotas, ou em outro posto fixo situado na Universidade Católica do Salvador (Ucsal), em Pituaçu.

Neste caso, o profissional deverá apresentar no local os seguintes documentos: as duas declarações disponibilizadas no site da SMS com preenchimento obrigatório do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (Cnes), documento de identificação com foto, CPF e cópia do contracheque ou nota fiscal, ou carteira de trabalho atualizada. No caso de pessoa jurídica será aceito o contrato de prestação de serviço, no lugar do contracheque.

Segunda dose – Já os trabalhadores que necessitam receber a segunda dose da vacina devem comparecer ao drive-thru do Centro de Convenções de Salvador (Boca do Rio) ou em um dos seguintes postos fixos: USF Km17, UBS Péricles Laranjeiras, UBS Castelo Branco, USF Colinas de Periperi, USF San Martin III e CSU Pernambués. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Em mais de um ano de pandemia de Covid-19, uma das mais simples e eficientes práticas para barrar a transmissão do novo coronavírus tem sido o uso da máscara facial. Diante disso, a distribuição em larga escala deste equipamento de proteção individual (EPI) tem sido uma das principais estratégias adotadas pela Prefeitura para conter a propagação do novo coronavírus em Salvador. Mais de 3 milhões desses utensílios já foram entregues à população em toda cidade, geralmente, através de ações de rotina em espaços públicos que possuem grande fluxo de pessoas e em comunidades carentes.  

As estações de transbordo da Lapa, Pirajá, Acesso Norte e Mussurunga, por exemplo, estão sempre inseridas nessa iniciativa de entrega das máscaras durante abordagens educativas com usuários do transporte público. A distribuição também já aconteceu nos planos inclinados e no terminal de travessia Ribeira-Plataforma.   

Além disso, a estratégia conta com apoio das dez Prefeituras-Bairro existentes (Centro/Brotas, Subúrbio/Ilhas, Cajazeiras, Itapuã/Ipitanga, Cidade Baixa, Barra/Pituba, Cabula/Tancredo Neves, Pau da Lima, Liberdade/São Caetano e Valéria). Quando uma localidade passa por medidas regionalizadas de apoio e proteção à vida, o que ocorre por conta dos altos índices de casos da Covid-19 naquele lugar, equipes das unidades administrativas próximas disponibilizam equipes para fazer as doações dos equipamentos.

"As máscaras se tornaram uma das ferramentas mais eficientes de proteção contra a pandemia. Desde o início dela, em março do ano passado, a Prefeitura começou a desenvolver uma série de iniciativas para intensificar a distribuição em ruas de difícil acesso e baixadas, a fim de alcançar moradores que possuem dificuldades econômicas para adquirir esses utensílios”, explica o secretário de Articulação Comunitária e Prefeituras-Bairro, Humberto Viana.  

Como usar – A transmissão do coronavírus se faz através de gotículas de saliva, de secreção da boca ou nariz que saem durante a fala, tosse ou espirro. Logo, as máscaras descartáveis, cirúrgicas (N95) e as caseiras possuem eficácia e atuam como barreiras de proteção contra as substâncias contaminadas.

O uso de máscara deve ser individual e jamais compartilhado entre amigos e familiares. O recomendado é de que a troca da proteção seja a cada duas horas, por isso é sempre bom andar com pelo menos uma reserva. Uma dica é levar uma sacola para guardar a máscara suja, quando for preciso trocá-la. 

Além disso, as máscaras devem ser colocadas bem ajustadas ao rosto e com cuidado para cobrir a boca e nariz, de forma a minimizar possíveis brechas. O cidadão deve evitar tocar no utensílio quando este já estiver colocado na face. A remoção do equipamento deve ser feita pelo laço ou elástico preso às orelhas. 

Na hora da lavagem, as máscaras caseiras reutilizáveis podem ser deixadas de molho por cerca de 20 minutos na água e sabão ou numa solução de hipoclorito de sódio (água sanitária), antes de serem enxaguadas.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

As instituições que precisarem realizar inscrições e entrega de documentos ao Conselho Municipal de Assistência Social de Salvador (Cmass) poderão fazê-lo apenas pela internet, até o dia 30 de abril, através do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . A mudança faz parte das medidas de prevenção contra o novo coronavírus. 

O presidente do Cmass, Rodrigo Alves, pontua que a medida tem o objetivo de evitar o contato direto das pessoas, evitando o deslocamento até a sede situada no Centro. “Todos os documentos solicitados serão recebidos via e-mail, com isso vamos evitar que as pessoas saiam de casa e sigam as recomendações sanitárias”, pontuou. 

Com a mudança, segundo Alves, o Conselho vai auxiliar as instituições de maneira remota, incluindo um vídeo explicativo com as orientações sobre os procedimentos. “Este é mais um ano de desafios. No entanto, estamos oferecendo todo o suporte para que as instituições tenham base para conseguir preparar os planos de trabalho”, acrescentou. 

Os documentos de renovação do registro são a cópia do Estatuto Social (atos constitutivos) registrado em cartório; cópia da ata de eleição e posse da atual diretoria, registrada em cartório; relatório de atividades 2020; plano de ação 2021 e CNPJ. Para realizar a inscrição no Cmass, além dos documentos já citados, é necessário também o requerimento preenchido e o alvará de funcionamento; seguindo o regimento 31/2018. 

Em caso de dúvidas, as instituições podem entrar em contato com o Cmass através do telefone (71)3329-2224, ou pelos e-mails O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Secretaria Municipal da Educação (Smed), através da Diretoria de Infraestrutura (Dire), e a Companhia Elétrica da Bahia (Coelba) assinaram um Termo de Cooperação Técnica para a instalação de placas solares em três unidades de ensino da rede municipal. As unidades de ensino contempladas são os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) Angelina Rocha de Assis e Mário Altenfelder, ambos no Lobato, e Professor Antônio Pithon Pinto, em Fazenda Coutos. 

Ao todo, serão 198 painéis fotovoltaicos com capacidade total de converter a radiação do sol em 130 mil quilowatt-hora (kWh) de eletricidade por ano. A iniciativa resultará em uma economia anual de cerca de R$120 mil aos cofres públicos municipais.  

“Essa cooperação técnica é de grande importância, que vai além da redução de gastos. Estamos tratando de uma energia limpa e renovável. As fontes alternativas de energia são cada vez mais necessárias e estratégicas para o desenvolvimento sustentável e a preservação do meio ambiente. Por outro lado, há também o aspecto pedagógico que pode ser desenvolvido junto aos alunos da rede municipal, que vão desde o contato com essa tecnologia até a conscientização ambiental”, diz o secretário da Smed, Marcelo Oliveira. 

A ação não prevê investimento por parte da Smed – todo o processo será custeado pelo Programa de Eficiência Energética (PEE) da Coelba, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). A empresa fará a doação dos painéis fotovoltaicos, instalação e manutenção por dois anos. Somados, os investimentos superam R$350 mil. 

“A Coelba, através do Programa de Eficiência Energética (PEE), tem atuado fortemente em ações que englobam, por exemplo, a produção de energia limpa, como a solar e a eólica, e também a substituição de equipamentos que reduzam o consumo, como é o caso da troca de lâmpadas convencionais por LED. Esse é um dos principais valores do grupo Neoenergia, baseados no compromisso com a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente. O trabalho com a Smed encontra-se dentro desse contexto e faz parte dos planos da empresa de eficientização de prédios públicos”, afirma o engenheiro do Departamento de Eficiência Energética da empresa, Vitor Peixoto de Souza. 

Economia – O assessor de suporte da Dire, Marcelo Araújo de Oliveira, que acompanha a implementação do projeto, explica que a economia gerada pela captação de energia solar pode ser entre 50% a 90%. “Considerando que uma creche gasta em média R$4 mil por mês, a economia promovida pelo uso das placas pode chegar a R$ 3,6 mil por escola contemplada. Ao longo do ano, essas três unidades somarão economia superior a R$120 mil por ano”, afirma. 

As placas solares são instaladas nos telhados em locais onde possuem pouca ou nenhuma incidência de sombras, proporcionando assim maior eficiência. Os inversores, equipamentos que compõem o sistema fotovoltaico, localizam-se em ambientes ventilados, seguros e com acesso à internet.

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...