Geral

0
0
0
s2sdefault

Os 53 idosos residentes do Abrigo D. Pedro II, em Piatã, receberam a segunda dose da vacina contra o novo coronavírus na manhã desta terça-feira (16). A unidade socioassistencial está entre as 78 instituições de longa permanência que, de acordo com cronograma, estão aptas a receber os imunizantes para os assistidos em vulnerabilidade. 

Por volta das 9h, a vacinação foi iniciada no local por equipes de vacinadores da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com apoio da Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), que administra o espaço. 

“Em breve, nossos idosos vão voltar às atividades internas, em grupos e, aos poucos, a gente começa a devolver às pessoas o ar de normalidade. Os protocolos serão mantidos, mas só o fato de estarem imunizados me deixa muito satisfeito”, declarou o titular da Sempre, Kiki Bispo, que acompanhou o início da imunização. 

A coordenadora do D. Pedro II, Valéria Souza, confessou que a expectativa dos idosos era a maior possível. Para ela, foi uma vitória chegar a vacina, principalmente no abrigo, porque os assistidos são pessoas vulneráveis. “Eles estão há um ano sem poder ver a família, os amigos, então já estavam eufóricos desde a primeira dose, perguntando que dia poderiam sair, tomar banho de piscina”, disse. 

A gestora afirmou que já está programando a retomada das atividades a partir de março, depois de conversas com os médicos do abrigo. Ela salientou que já foram liberadas as visitas dos familiares com distanciamento, mas ainda não foi autorizada as saídas para ações externas. 

Expectativa – Na expectativa de estar logo imunizada, Lúcia Peçanha, de 73 anos, não conteve a emoção. “Adeus coronavírus”, disse ela, instantes depois de receber a segunda dose da CoronaVac. “Estou feliz da vida, não vou ficar mais doente. A gente continua se cuidando, mas eu quero ir logo para o shopping, aproveitar a vida”. 

O aposentado Lázaro Valladares, o “rueiro” do abrigo, era só alegria. Aos 73 anos, ele já se programa para visitar os amigos na Cidade Baixa e a família, que ainda continua mantendo o contato só por aplicativo de mensagem. “Eu já sou imunizado por natureza”, brincou. Ele ainda lamentou não ter podido comemorar o aniversário, em 19 de janeiro. “Até agora não deu, vou esperar passar para poder estar com eles”.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Quase um mês após receber a primeira aplicação da vacina CoronaVac, o médico Uenderson Araújo, 30 anos, que atua no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Salvador, compareceu à Arena Fonte Nova nesta terça-feira (16) para ter a dose de reforço. O profissional integra o grupo de trabalhadores de saúde que atuam na linha de frente no combate à pandemia, que deverão completar o esquema vacinal para garantir a proteção contra a Covid-19.  

Coordenada pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), a programação acontece em 14 postos fixos e dois drive-thrus, atendendo aos profissionais que foram imunizados a partir do dia 19 de janeiro, quando teve início a campanha. Na prática, a ação acontece em conformidade com especificações do laboratório responsável pela fabricação da vacina, que determina que a dose de reforço seja injetada 28 dias após a primeira aplicação. 

Uenderson foi o primeiro médico vacinado contra o coronavírus no município e disse estar mais aliviado pelo fato de se sentir protegido da contaminação da doença.  “A sensação de estar imunizado traz mais segurança para que eu ofereça assistência à população. Mesmo depois de vacinado irei manter todos os cuidados porque existem outras pessoas que ainda não foram imunizadas. Meu desejo era que minha dose fosse dividida para toda a população, mas infelizmente não tem como”, disse. 

Já o médico Guilherme Cabral, 26 anos, trabalha na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Barris e também esteve na Arena Fonte Nova para o segundo ciclo da vacinação. “É um desejo que eu tinha desde março do ano passado. Poder concretizar a segunda dose é um momento engrandecedor. Fico bastante emocionado, pois muita gente perdeu ente querido ou ainda está lutando contra a Covid-19. O caminho ainda é longo, mas isso aqui é o começo. Com fé em Deus, toda a população será vacinada em breve”, relatou. 

Pontos – A aplicação da segunda dose da vacina para prevenção do novo coronavírus está disponível para os trabalhadores da saúde nos seguintes pontos fixos: USF Itapuã, Centro de Saúde Péricles Laranjeiras (Fazenda Grande do Retiro), USF Imbuí, CSU Castelo Branco, Centro de Saúde Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), Centro de Saúde Virgílio de Carvalho (Bonfim), USF Colina de Periperi, USF Vista Alegre, USF Tubarão, CSU Pernambués, USF San Martin III, USF Vale do Matatu, USF Resgate e Arena Fonte Nova (no acesso pela Ladeira Fonte das Pedras). Também há dois drive-thrus montados para a iniciativa, sendo um na Arena Fonte Nova (entrada defronte ao Dique do Tororó) e outro no Centro de Convenções, na Boca do Rio. 

Documentos – A campanha seguirá no decorrer desta semana nesses locais e as pessoas que receberão a segunda dose devem buscar os pontos de vacinação na data agendada no cartão de vacina. Junto com o cartão, inclusive, é necessária a apresentação de um documento oficial com foto para receber o imunizante.  

Além dos trabalhadores da saúde que atuam diretamente no combate à pandemia, as aplicações das doses de reforço alcançam idosos abrigados em instituições através de equipes volantes.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura inicia, nesta quarta-feira (17), o Cadastro Escolar 2021 de crianças com idade entre dois e cinco anos, nascidas entre 1º/04/2015 a 31/03/2019, que estejam fora da escola ou não pertençam à rede municipal de ensino em Salvador. As famílias que desejam pleitear vaga nas creches e pré-escolas do Município para este ano letivo devem fazer o cadastro até o dia 2 de março, preferencialmente por meio virtual, através do site da Secretaria Municipal da Educação (Smed), no endereço educacao.salvador.ba.gov.br

O procedimento também pode ser realizado em qualquer unidade de ensino municipal, de segunda a sexta-feira, a partir das 8h. Para realizar o cadastro, é necessário o CPF do responsável, a certidão de nascimento da criança e o endereço de interesse completo, com CEP e numeração. 

A Smed alerta que o cadastramento não é garantia de vaga. A efetivação da matrícula se dará em tempo oportuno para as crianças cadastradas que foram contempladas pela distribuição eletrônica de vagas. 

Endereço – A coordenadora de Matrícula Escolar, Agda Cruz, explica que o endereço de interesse refere-se a uma localização residencial ou comercial perto de onde a família quer que a criança estude. Pode ser a casa da família, dos avós, de outros parentes ou do emprego do responsável. 

"Por exemplo, se o responsável quer que a criança estude perto da residência familiar, o endereço de interesse a ser informado é o da família. Se o melhor for perto do trabalho da mãe, então o endereço de interesse é o do trabalho. Com esse dado, procuramos a vaga mais próxima para atender ao planejamento da família", detalha Agda. 

Prioridade – Poderá pedir prioridade o público-alvo da educação especial (pessoa com deficiência, transtornos globais de desenvolvimento e com altas habilidades / superdotação) e as crianças beneficiárias do Programa Bolsa Família ou que recebem Benefício de Prestação Continuada (BPC). Para isso, é necessário anexar documentos que comprovem a situação da criança no ato do Cadastro Escolar 2021. 

Qualquer dúvida sobre a utilização do sistema virtual de cadastramento pode ser esclarecida através do 156 – Disque Salvador ou em um posto de atendimento presencial.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Sem o Carnaval de Salvador em 2021 devido à pandemia de Covid-19, quem costumava acessar os postos do Fique Sabendo instalados nos circuitos da folia podem acessar as unidades básicas de saúde do município e, no local, fazer o teste para detecção de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). O atendimento acontece de segunda a sexta, das 8h às 17h.

De janeiro a dezembro do ano passado, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) registrou 469 novos casos de HIV, 1.648 casos de sífilis e 243 casos de hepatites virais na capital baiana. A coordenadora do programa de DSTs/HIV, Daniela Cardoso, alerta para a importância das pessoas continuarem se cuidando e buscando os serviços de saúde.

“As pessoas estão se colocando numa situação de vulnerabilidade ao deixarem de se cuidar. Quanto mais precoce o diagnóstico, mais cedo é possível tratar. No município não faltam insumos. Inclusive, colocamos à disposição da população por meio dos testes e tratamentos”, declara.

Realizar o teste e saber o resultado é um passo decisivo para a saúde da pessoa e do parceiro ou parceira. Se o resultado do paciente acusa não ter o vírus, ele tem mais um motivo para continuar se cuidando. Se o caso for positivo, ele é encaminhado para iniciar o quanto antes o tratamento nos serviços de referência.

Tratamento – Daniela explica que os tratamentos para sífilis e hepatites virais são feitos com medicação e acompanhamento médico nas UBS. Já os pacientes com suspeita de HIV, passam por um processo de aconselhamento para que a equipe possa entender cada caso.

“É um processo um pouco mais delicado, já que alguns chegam amedrontados, temendo o pior. Então encaminhamos para o aconselhamento psicológico antes e após o teste. É importante destacar que pacientes soropositivos podem se tratar e viver por muitos anos”, assinala.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

Para minimizar as perdas econômicas causadas pela pandemia de Covid-19, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob), iniciou a entrega de cestas básicas para os mototaxistas nesta segunda-feira (15). As entregas serão realizadas até sexta-feira (19), na sede da Semob, em Amaralina, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 16h, beneficiando cerca de 1.240 trabalhadores regulamentados pelo município.

Organizado de forma escalonada e de acordo com o alvará, os mototaxistas com os alvarás M-301 a M600 receberão as cestas nesta terça-feira (16). Na quarta (17), será a vez daqueles com alvará M-601 a M-900; e, na quinta (18), os de alvará M-901 a M-1269. Já na sexta-feira (19), os trabalhadores que não compareceram no dia determinado poderão retirar o benefício.

“Assim como outras categorias, os mototaxistas vêm sofrendo com os impactos causados pela pandemia desde o ano passado. Estas cestas básicas permitem que, mesmo com todas as dificuldades, não falte alimento na mesa destes trabalhadores, pais e mães que trabalham muito para garantir o sustento de suas famílias”, destacou o titular da Semob, Fabrizio Muller.

Para Adailton Reis, de 40 anos, que trabalha há cinco como mototaxista, esse tem sido um momento bastante complicado para a categoria, que teve que se adaptar de diferentes modos para conseguir gerar renda para a família. “A cesta básica ajuda muito a gente, pois nem sempre temos condições de comprar. Devido à pandemia, o movimento de clientes caiu. Com isso, tivemos que migrar e adaptar nosso trabalho de transportar pessoas para fazer pagamentos em bancos ou até mesmo o serviço de delivery”, contou.

Documentação – Para receber a cesta básica, os mototaxistas deverão apresentar um documento de identificação com foto (RG ou CNH), além do alvará de circulação ou cartão de identificação. Em caso de perda deste documento, será aceito um boletim de ocorrência referente à documentação perdida.

O acesso às dependências da Semob somente será permitido com o uso da máscara, como medida de proteção contra o coronavírus. Além disso, não será permitido o acesso de pessoas trajando bermudas e camisetas.



0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Os bairros de Pernambués, Fazenda Grande e Boca do Rio vão passar a ter ações de proteção à vida, a serem promovidas pela Prefeitura a partir da quarta-feira (17). A decisão foi tomada pelo prefeito Bruno Reis, em reunião com secretários municipais para avaliação do cenário da Covid-19 na cidade, ocorrida nesta segunda-feira (15), no Palácio Thomé de Souza.

As localidades foram escolhidas por apresentarem índices preocupantes para o novo coronavírus, como número de novos casos, velocidade de transmissão e número de mortes. Pernambués, por exemplo, já acumula 4.467 novos casos; Fazenda Grande, 2.633 registros e Boca do Rio, 2.067 casos.

A medida terá duração inicial de sete dias. Saem das medidas de proteção à vida os bairros de Sussuarana, Federação e Liberdade.

“Diante dos novos casos do novo coronavírus e a pressão existentes nas UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) referentes à ocupação de leitos e de espera na regulação para os hospitais, foram tomadas essas medidas para diminuir a velocidade de transmissão e preservar vidas”, declarou Bruno Reis.

As medidas de proteção à vida vão englobar testes rápidos para detectar pessoas com a Covid-19, distribuição de máscaras, higienização de vias e o atendimento social através do Cras Itinerante.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A operação municipal de fiscalização realizada para evitar aglomerações nesses dias em que aconteceria o Carnaval de Salvador, cancelado devido à pandemia de Covid-19, foi considerada positiva pela Prefeitura até esta segunda-feira (15). A iniciativa envolveu as secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e Ordem Pública (Semop), Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar, que verificaram casos de aglomeração, atividades sonoras nos bairros e cumprimento dos decretos em vigor, de forma a inibir a propagação do novo coronavírus. 

Na madrugada desta segunda (15), fiscais da Semop recolheram três armas brancas (facas) com ambulantes, no bairro de Itapuã. Já a Sedur vistoriou mais de mil locais e interditou dez estabelecimentos em oito bairros da cidade. As interdições alcançaram sete bares e três casa de eventos, e um total de 16 aglomerações foram dispersadas. 

No domingo (14) pela manhã, a GCM intensificou a atuação nas praias da Boa Viagem, Cantagalo e Preguiça, na Cidade Baixa. À tarde, foi feita uma operação com 70 guardas civis que, após receber uma denúncia, dispersaram banhistas que promoviam aglomerações na praia do MAM, às margens da Avenida Lafayette Coutinho (Contorno). Além disso, foram realizadas ações de conscientização junto aos cidadãos para garantir que fossem cumpridas as medidas de segurança contra a Covid-19. 

Para o diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência (Susprev), Maurício Lima, a ação no fim de semana foi a melhor possível. “Tivemos atuações pontuais na Barra, controlando o volume do som de dois bares, uma atividade sonora com percussão e um bloquinho de oito pessoas com caixas de som. Foi uma operação muito bem realizada, com mais de 100 agentes de toda a Prefeitura”, declarou.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura iniciou, nesta segunda-feira (15), o pagamento da 11ª parcela do auxílio de R$270 do programa Salvador por Todos. Coordenado pela Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), o benefício abrange trabalhadores informais cadastrados no município, a exemplo de barraqueiros, donos de quiosques, baianas de acarajé, guardadores de carro, recicladores e baleiros.   

Também têm direito ao valor taxistas, mototaxistas e motoristas de aplicativo (licenciados e com idade superior a 60 anos) e pessoas em situação de rua que tenham sido cadastradas pelos órgãos municipais. Os beneficiários podem realizar a consulta para verificar a data e o banco no qual a parcela será paga pelo site  www.salvadorportodos.salvador.ba.gov.br,  informando o número do CPF ou do NIS. 

Os saques podem ser realizados na rede lotérica ou em caixas eletrônicos de autoatendimento das agências da Caixa Econômica Federal. É necessário levar documento de identidade e um dos seguintes cartões: Primeiro Passo, Cartão Cidadão ou Bolsa Família.  

Quem não possui nenhum destes precisa se dirigir ao atendimento de balcão em qualquer agência do banco, portando o número do NIS e documento de identidade. Para quem recebe pelo Bradesco, o pagamento é feito exclusivamente na boca do caixa. 

Importância – O pagamento do Salvador por Todos começou em abril do ano passado. A iniciativa foi criada com o objetivo de atenuar os impactos econômicos causados pela pandemia de Covid-19. No final do ano passado, o auxílio foi prorrogado por mais três meses (janeiro, fevereiro e março).  

Segundo o titular da Sempre, Kiki Bispo, o auxílio tem uma importância muito grande para quem atua no mercado informal e para as pessoas que mais precisam nesse momento. “Salvador foi pioneira na criação e concessão de um auxílio emergencial municipal e agora é uma das poucas que ainda mantêm o pagamento. Manter esse auxílio do Salvador por Todos demonstra que o social é prioridade para a atual gestão”, afirma. 

Organização – Mais de 35 mil pessoas já receberam o benefício, totalizando um valor de pouco mais de R$56 milhões investidos pela Prefeitura nas últimas dez parcelas. A disponibilização do auxílio segue um cronograma em ordem alfabética para evitar aglomerações, dividido em 10 dias. 

Nomes iniciados com as letras A: saque a partir de sexta-feira (15/02);

Nomes iniciados com as letras B, C e D: saque a partir de terça-feira (16/02);

Nomes iniciados com a letra E: saque a partir de quarta-feira (17/02); 

Nomes iniciados com as letras F, G, H e I: saque a partir de quinta-feira (18/02); 

Nomes iniciados com a letra J: saque a partir de sexta-feira (19/02); 

Nomes iniciados com as letras K e L: saque a partir de segunda-feira (22/02); 

Nomes iniciados com a letra M: saque a partir de terça-feira (23/02); 

Nomes iniciados com as letras N, O, P e Q: saque a partir de quarta-feira (24/02); 

Nomes iniciados com a letra R: saque a partir de quinta-feira (25/02);

Nomes iniciados com a letra S, T, U, V, Y, X, Z, K e W: saque a partir de sexta-feira (26/02).

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A partir desta terça-feira (16), a Prefeitura inicia a aplicação da segunda dose da vacina CoronaVac para os trabalhadores da saúde da linha de frente da pandemia e idosos abrigados em instituições de longa permanência, primeiros vacinados pela estratégia iniciada em 19 de janeiro. A ação está em conformidade com especificações do laboratório responsável pela fabricação do imunizante, que determina que a dose de reforço deve ser injetada 28 dias após a primeira aplicação.

Conforme o cronograma divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), as doses estarão disponíveis para os trabalhadores da saúde em 14 postos fixos: USF Itapuã, Centro de Saúde Péricles Laranjeiras (Fazenda Grande do Retiro), USF Imbuí, CSU Castelo Branco, Centro de Saúde Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), Centro de Saúde Virgílio de Carvalho (Bonfim), USF Colina de Periperi, USF Vista Alegre, USF Tubarão, CSU Pernambués, USF San Martin III, USF Vale do Matatu, USF Resgate e Arena Fonte Nova (parte de cima/superior). Além disso, dois drive-thrus serão montados para a iniciativa, sendo um na Arena Fonte Nova e outro no Centro de Convenções, na Boca do Rio.

Idosos – Equipes volantes também realizarão a imunização in loco nos abrigos dos idosos. Todos os pontos de campanha funcionarão das 8h às 17h, e a expectativa é que aproximadamente 1,4 mil pessoas recebam a segunda dose nesta terça (16).

Cartão de vacinação – A campanha seguirá no decorrer da semana nesses locais e as pessoas que receberão a segunda dose do imunizante devem buscar os pontos de vacinação na data agendada no cartão de vacina. É necessário, portanto, a apresentação de um documento oficial com foto e o cartão de vacina.

“Todos os indivíduos que tiveram acesso à primeira dose receberam o cartão de vacina com a especificação do imunizante e com a data agendada para a aplicação da segunda dose. É importante que as pessoas obedeçam esse cronograma e não deixem de fazer o esquema vacinal completo que assegura de fato a proteção contra o vírus”, alerta a diretora de Vigilância à Saúde, Andréa Salvador.

Balanço – Em quase um mês de campanha, a capital baiana alcançou mais de 112 mil pessoas vacinadas contra a Covid-19. Conforme dados do Vacinômetro (vacinacovid. saude. salvador. ba. gov. br), 75% do público imunizado são trabalhadores de saúde, enquanto os demais 25%, idosos.

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...