Pautas

0
0
0
s2sdefault

A edificação do Complexo Turístico Religioso dedicado ao Anjo Bom da Bahia vai passar por intervenções físicas e reparos feitos pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Manutenção (Seman). O complexo abriga o Memorial Irmã Dulce, que reúne mais de 800 peças que ajudam a contar a trajetória da religiosa, o Santuário da Bem-Aventurada, onde está o túmulo dela, e o espaço de gastronomia Dulce Café e a Loja Irmã Dulce. 

As obras começam nesta terça-feira (17), com ordem de serviço a ser assinada no próprio local (o complexo está situado no Largo de Roma), às 9h, pelo vice-prefeito e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas, Bruno Reis. Toda a edificação passará por uma revisão da estrutura, da alvenaria, instalação hidráulica, elétrica e do forro. 

Os profissionais da Seman também farão serviços de revestimento, pintura interna e externa, além de ação no batistério e velário do santuário de Irmã Dulce. As intervenções devem durar até o dia 15 de outubro. Toda a fachada do prédio passará por lavagem para a retirada de películas soltas e pintura, ficando mais bonita. 

A obra faz parte de um conjunto de intervenções que ocorrem na Cidade Baixa para implementação do Caminho da Fé e estímulo ao turismo religioso, a exemplo da requalificação da Avenida Dendezeiros e da Colina Sagrada, no Bonfim, cuja primeira etapa já foi entregue e a segunda, na parte baixa, deve ser concluída ainda este mês. 

Visitantes - O complexo turístico religioso de Irmã Dulce tem registrado crescimento no número de visitações, especialmente após o anúncio da canonização do Anjo Bom da Bahia. Em agosto, o movimento triplicou em relação ao mesmo mês do ano passado, somando mais de 14 mil pessoas. 

Além de visitantes de Salvador e de todo o estado da Bahia, o complexo vem recebendo turistas internacionais, principalmente de países como França, Alemanha, Itália e Argentina, segundo informações das Obras Sociais Irmã Dulce.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O projeto-piloto do programa "Marias na Construção” realiza nesta segunda (16), às 13h, no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) de Valéria (Rua B, Caminho 13, Conjunto Lagoa da Paixão), uma aula inaugural. Essa é a terceira e última turma da edição piloto que dará subsídios para implantação da iniciativa em outras regiões soteropolitanas.  

O objetivo do projeto, a cargo da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), é levar ações de aperfeiçoamento, qualificação e colocação profissional na área da construção civil, por meio de cursos livres e gratuitos voltados para o público feminino, em parceria com o Senai.   

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto inicia nesta segunda (16), a partir das 9h30, as obras de requalificação do Jardim Botânico. A solenidade de assinatura da ordem de serviço acontece no próprio equipamento, localizado na Avenida São Rafael, em São Marcos. Com projeto da Fundação Mario Leal Ferreira (FMLF), as intervenções possibilitarão a ampliação da estrutura física atual e, em especial, salvaguardar ainda mais o herbário existente.  

A reserva, sob a responsabilidade da Secretaria de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis), abriga cerca de 61 mil espécimes vegetais. Além disso, é uma das áreas da cidade a abrigar um espaço etnobotânico voltado para proteção e cultivo às espécies utilizadas em cultos afro-brasileiros, além de vegetais ameaçados de extinção. A área total a ser requalificada chega a 160 mil m². 

Serão construídas edificações de caráter científico, voltadas ao estudo, manutenção e conservação da Mata Atlântica, conectados e acessados por uma trilha elevada em um percurso de 795 m de extensão pela mata.  O equipamento ganhará também um edifício principal com área total construída de 2.219,45 m², dividido em dois pavimentos, um subsolo e uma cobertura aberta a visitas. 

Além da ampliação do herbário, tornando-o um centro de referência na pesquisa da Mata Atlântica com capacidade para acomodar um grande número de espécies catalogadas, o projeto de requalificação do Jardim Botânico de Salvador propõe outras intervenções, a exemplo da construção de um pavilhão de observação da natureza e viveiros. 

O Jardim Botânico ainda terá espaços expositivos digitais voltados à educação ambiental, um auditório para 50 pessoas, que será conectado com um foyer e uma área semi-coberta para atividades em grupo.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Em grande estilo, Salvador volta a sediar grandes eventos de natação. A estreia da Arena Aquática Salvador para competições acontece nesta sexta (13), a partir das 8h, quando o novo equipamento, implantado na Praça Wilson Lins, na Pituba, receberá o Torneio Norte/Nordeste de Clubes de Natação – Troféu Walter Figueiredo, realizado até sábado (14). O vice-prefeito Bruno Reis e o secretário municipal de Trabalho, Esporte e Lazer, Alberto Pimentel, estarão presentes na aberta, nesta sexta.

O campeonato integra o calendário da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), realizado pela Federação Baiana de Desportos Aquáticos (FBDA), e tem apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Semtel).

A competição acontece na capital baiana após 13 anos. Para marcar o retorno do evento à Bahia e a abertura da arena para grandes eventos, mais de 500 atletas são esperados no torneio, ultrapassando a média de 350 inscritos registrados nos últimos anos, içando Salvador novamente ao patamar de sede das grandes competições da natação brasileira.

O acesso ao público ocorrerá de forma gratuita, pelo portão 2, voltado para avenida Avenida Octávio Mangabeira.

Competidores - Para fazer bonito na competição, a Bahia conta com atletas de ponta para a disputa, a exemplo dos campeões brasileiros Samuel Lopes, Guilherme Caribé e Arícia Pérée, frequentemente convocados para defender as cores da seleção brasileira em piscinas internacionais.

Diego Albuquerque, presidente da FBDA, ressalta a importância do novo espaço para os amantes dos esportes aquáticos na Bahia e em todo o Nordeste brasileiro. “A comunidade aquática só tem a ganhar com a chegada desse equipamento, que é realmente de primeiríssima qualidade. Com uma estrutura muito boa e apto a receber competições nacionais e internacionais, Salvador passa a ser a capital com maior infraestrutura do Norte/Nordeste e uma das maiores do Brasil. Alén disso, temos atletas que correspondem dentro d’água a essa estruturação que estamos passando. Essa piscina já nasceu histórica por ter vindo da Olimpíada 2016, e esperamos que possa ser palco de outros fatos históricos que estão por vir. Trabalhamos para que, cada vez mais, soteropolitanos e baianos possam desfrutar dos benefícios do esporte na nossa terra”, comemora.

O equipamento - A Arena Aquática, sem dúvidas, é uma das estruturas mais modernas do Brasil. A piscina olímpica foi utilizada no Estádio Aquático do Rio de Janeiro para abrigar a natação nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Recebeu grandes nomes da modalidade no mundo, como Michael Phelps, Ryan Lochte, Bruno Fratus e, agora, servirá como referência para Bahia, Nordeste e Brasil.

A concepção e os investimentos no equipamento são da Prefeitura, que aplicou R$ 6,2 milhões no local, que possui ainda uma piscina semiolímpica, academia, sala de fisioterapia, sala de atendimento médico, sala para exames antidoping, vestiários para atletas e paratletas e sala de técnicos.

A Prefeitura também investiu num novíssimo jogo eletrônico para ser estreado no campeonato. São 20 placas eletrônicas e 10 linhas de scoreboards (placar), que vão contribuir para a experiência de árbitros, atletas e do público em geral.

O campeonato - O troféu é uma homenagem a Walter Figueiredo, ex-presidente da Federação Baiana de Desportos Aquáticos (FBDA). Ele é pai do também ex-gestor da entidade, Sérgio Silva. Ambos são expoentes da história da modalidade no estado, responsáveis pela revelação de diversos atletas consagrados a nível mundial, a exemplo do medalhista olímpico Edvaldo Valério.

Para encerrar o final de semana da natação estadual, Salvador também recebe, na manhã do domingo (15), a Copa Norte/Nordeste de Maratonas Aquáticas.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Dentro da série de iniciativas para revitalização do Centro Centro Histórico de Salvador, com investimentos totais de R$300 milhões, a Prefeitura inicia nesta quinta (12) as obras de requalificação da muralha do frontispício, um dos símbolos da fundação da primeira capital do Brasil. A ordem de serviço para o começo das intervenções será assinada pelo prefeito ACM Neto às 9h30, na parte alta da Ladeira da Montanha. Também participa do ato o vice-prefeito e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas, Bruno Reis.

Orçada em R$4,5 milhões e com duração de 12 meses, as intervenções fazem parte de um projeto doado ao Executivo municipal pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). As ações de recuperação e requalificação da muralha consistirão em obras estruturais, cênicas e paisagísticas no trecho que se estende da Praça Castro Alves à Ladeira da Misericórdia.

O projeto contempla a consolidação e estabilização estrutural das muralhas existentes; recuperação urbanística das ladeiras próximas ao local; implantação de nova iluminação, reduzindo a sensação de insegurança da área; além da restauração paisagística do frontispício, voltada para a valorização dos monumentos do entorno; e a inserção de sistema de iluminação cênica para a valorização de toda a estrutura.

A muralha do frontispício pode ser vista em diversos pontos do Centro Histórico, tanto na Cidade Alta quanto na Cidade Baixa. Segundo o Iphan, os primeiros paredões foram construídos em abril de 1549, em taipa de pilão, para defender Salvador e proporcionar a segurança de seus novos habitantes.

Outras intervenções – Já estão em andamento as obras de requalificação dos arcos da Ladeira da Montanha. As ações têm como diretriz principal a recuperação de todo o conjunto arquitetônico que é composto por 17 arcos, destacando seus valores artísticos e suprimindo elementos e volumes que atualmente descaracterizam a edificação.

As melhorias preveem obras no entorno do conjunto e dentro dos arcos nos quais funcionam serralherias e marmorarias. O investimento municipal é de aproximadamente R$ 3,5 milhões, e o prazo para conclusão de serviço é até junho de 2020.

Próximo dali, o Elevador do Taboão, que estava desativado há 54 anos, voltará a funcionar ligando as cidades Alta e Baixa, isto é, o Pelourinho e o Comércio. As obras no local também já começaram e estão previstas para serem finalizadas em meados do próximo ano.

As intervenções no elevador envolvem a restauração integral do ascensor, além de obras de modernização das instalações, buscando adequar a edificação às normas técnicas vigentes, inclusive de acessibilidade universal. O equipamento também contará com áreas de convivência com mesas, sanitários e café. O investimento é de R$3,7 milhões.

Os projetos de recuperação dos arcos da Ladeira da Montanha e do Elevador Taboão também foram cedidos pelo Iphan à Prefeitura.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto assina nesta quarta-feira (11), às 14h30, no Palácio Thomé de Souza, convênios com diversas instituições filantrópicas para o atendimento, via Sistema Único de Saúde (SUS), de portadores de doenças raras. A assinatura ocorre após abertura de chamamento público para a contratação de entidades como APAE, Instituto Bahiano de Reabilitação (IBR), Núcleo de Atendimento à Criança com Paralisia Cerebral e Nzinga.

As três primeiras serão habilitadas como Centros Especializados em Reabilitação, devendo garantir o acesso inclusive aos pacientes diagnosticados com autismo e crianças que necessitem de abordagem de intervenção precoce para se desenvolverem. Além disso, a APAE passa se apresentar como serviço de referência em doenças raras. O Nzinga, por sua vez, funcionará como Centro de Atenção Psicossocial.

O objetivo dos convênios é facilitar o atendimento de pacientes com doenças raras mais próximo de casa, sobretudo na região do Subúrbio Ferroviário, que tem recebido atenção prioritária da Prefeitura.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A empresa francesa G.L. Events assinará nesta terça-feira (10) o contrato de concessão do Centro de Convenções de Salvador (CCS) com a Prefeitura. A assinatura ocorrerá às 9h, no local onde acontecem as obras de construção do equipamento, na orla da Boca do Rio, em evento com a presença do prefeito ACM Neto e do secretário de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco. Na mesma ocasião, representantes do trade turístico baiano, a exemplo da ABAV, ABIH, FeBHA, irão vistoriar as obras, que estão 65% concluídas, com previsão de entrega em dezembro próximo. 

Com a assinatura, a empresa se tornará a gestora do CCS pelos próximos 25 anos. A GL Events vai investir R$10 milhões em outorga fixa, pagas em duas parcelas. Após seis anos, a empresa realizará o pagamento de 5% de outorga variável sobre a receita bruta. Na mesma oportunidade, serão apresentados eventos que já estão agendados para ocorrer no Centro de Convenções de Salvador.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto estará presente nas comemorações pela Independência do Brasil, neste sábado (07), na Praça do Campo Grande. O prefeito estará às 8h15 no palanque das autoridades montado ao lado do Hotel Wish, à disposição da imprensa, ao lado de secretários e dirigentes municipais, além de outras autoridades civis e militares.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto apresenta, nesta segunda-feira (09), em evento no Teatro Gregório de Mattos (Praça Castro Alves), às 9h30, a programação do Festival Primavera 2019. O evento, que marca a chegada da estação das flores, será realizado entre 15 e 29 de setembro, contemplando shows, teatro, esporte, poesia e ações de lazer para toda família.  

Pela primeira vez, o Comércio será o principal reduto do festival, que é organizado pela Saltur, incluindo uma grande feira criativa, dois palcos e ações diversas concentradas especialmente na Praça da Inglaterra e na região da Avenida da França.  

Na mesma coletiva, ACM Neto também lança o programa "Vem pro Centro", coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e que visa justamente estimular a ocupação do Comércio e da parte mais antiga da capital, envolvendo uma série de iniciativas que passam por ações estruturais e intensa programação cultural.

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...