Pautas

0
0
0
s2sdefault

Para informar a população sobre as ações de investigação dos casos de uma doença que tem afetado a pele de algumas pessoas em Salvador, a Prefeitura e o governo do estado, através das respectivas secretarias de Saúde, realizam nesta quarta-feira (24), às 14h30, uma entrevista coletiva para toda a imprensa no Complexo Municipal de Vigilância à Saúde, localizado na Avenida Vasco da Gama, s/n, (ao lado do Hipermercado Extra).

O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância à Saúde de Salvador (Cievs) segue com a investigação da causa do surto de dermatose na região de Patamares. Até o momento, 79 pessoas foram identificadas na localidade apresentando um quadro dermatológico a esclarecer nos últimos dois meses.

O Centro de Controle de Zoonoses da SMS e a Fiocruz-Ba instalaram armadilhas para captura de mosquitos Aedes aegypti e albopictus, principais transmissores de arbovírus no Brasil, além de outros de importância médica como carrapatos, pulgas e ácaros.O objetivo é investigar a doença.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O estudo de viabilidade econômica para concessão do novo Centro de Convenções de Salvador será apresentado a empresários, investidores, consultores e agentes financeiros nesta quarta-feira (24). O evento acontece às 9h, no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande, e conta com as presenças do prefeito ACM Neto, do secretário Municipal de Cultura e Turismo (Secult), Cláudio Tinoco, e demais autoridades municipais. A medida repete a divulgação realizada em São Paulo, na última semana, com o intuito de atrair grandes investidores com experiência na gestão de equipamentos similares. 

"A apresentação de quarta-feira também tem caráter consultivo. Queremos a contribuição dos participantes para a elaboração do edital, que deve ser lançado para consulta pública no próximo mês”, explica Claudio Tinoco. O secretário afirma, ainda, que a Prefeitura deve lançar o edital de contratação em dezembro. “Isso permitirá que a empresa operadora seja contratada até abril de 2019, seis meses antes do prazo de término da construção do Centro de Convenções. Assim, o futuro operador poderá acompanhar a conclusão de perto e já avaliar possíveis investimentos”, conclui Tinoco. 

Eventos e negócios - Com obras já iniciadas, a previsão é que o Centro de Convenções de Salvador esteja concluído no prazo de um ano, na orla da Boca do Rio. Com investimento de R$105,2 milhões, o novo empreendimento vai reposicionar a capital baiana entre os mais atrativos polos de turismo de eventos e negócios do Brasil. O antigo equipamento, que era administrado pelo governo do estado, fechou definitivamente há dois anos, após desabamento parcial e abandono, gerando uma perda de R$2 bilhões na área do turismo de eventos e negócios na capital baiana. A Prefeitura decidiu assumir a responsabilidade para recuperar o tempo perdido. 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto autoriza nesta terça-feira (23), às 9h30, o início imediato da reforma de 250 casas em situação precária localizadas na Ladeira da Golméia, próxima à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Escola Municipal Antônio Carlos Magalhães, no São Caetano. As intervenções serão efetuadas através do programa Morar Melhor, que busca possibilitar maior dignidade aos cidadãos através de um investimento de até R$5 mil por residência.

De janeiro até o momento, 20 localidades foram ou estão sendo atendidas pela segunda etapa do programa, e que já melhorou a estrutura de quase 4,9 mil casas. As unidades habitacionais contempladas receberão intervenções como pintura, reboco e revestimento de parede, recuperação ou troca do telhado, troca de esquadrias e instalações sanitárias, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra).

A medida traz mais segurança e qualidade de vida aos cidadãos das áreas mais carentes de Salvador, com o resgate da cidadania e da autoestima da população residente nas áreas contempladas. Além disso, o Morar Melhor promove assistência técnica nas áreas de arquitetura e construção civil, oferece moradia digna às pessoas e dá oportunidade de trabalho para moradores que já atuam como pedreiro e auxiliar de pedreiro.

O programa esteve presente, em 2018, nos bairros de Alto de Coutos, Castelo Branco, Ribeira (Mangueira), Sete de Abril, Boa Vista de São Caetano, Cosme de Farias, Fazenda Coutos III, Arenoso, Itinga, Daniel Lisboa, Rio Sena, Fazenda Grande do Retiro, Cajazeiras VI, Paripe, Pero Vaz, Caixa D’Água, Engenho Velho de Brotas, Engenho Velho da Federação e em Brotas (Pirangi).

Critérios - A escolha dos bairros beneficiados obedece a alguns critérios sociais: são escolhidos, prioritariamente, os que têm maior predominância de domicílios com alvenaria sem revestimento; maior número de pessoas abaixo da linha de pobreza; maior densidade habitacional; maior quantidade de mulheres chefes de famílias, além da precariedade habitacional característica observada pelas equipes em campo. A definição dos serviços é feita em conjunto com o morador, observando também critérios técnicos.

Balanço - Desde 2015, o Morar Melhor já reformou casas em mais de 50 bairros de Salvador, e a meta é chegar à marca de 40 mil residências até o fim de 2020. Devido ao grande sucesso no quesito boas práticas em habitação, o programa recebeu o Selo do Mérito Especial no Fórum Nacional de Habitação e Interesse Social, em 2017. A honraria foi concedida pela Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos e pelo Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Quase um ano e sete meses após o início das obras, uma das maiores obras de contenção de encosta em Salvador - a da localidade do Barro Branco, no Alto do Peru – terá a segunda etapa entregue pela Prefeitura neste sábado (20), às 10h (acesso pela Avenida San Martin, próximo ao Largo do Tanque). A cerimônia contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Almir Melo, dentre outras autoridades. A localidade foi uma das mais prejudicadas com as fortes chuvas que caíram na capital baiana em 2015. 

Com investimento de R$4,6 milhões e obras realizadas pela Seinfra, por meio da Superintendência de Obras Públicas (Sucop), a intervenção nesta segunda etapa englobou a implantação de cortina atirantada em 599 m² do lado direito e outros 209 m² do lado esquerdo. Além disso, foi utilizada a técnica de solo grampeado em cerca de 200 m² de encosta. 

A medida complementa a primeira etapa da encosta no Barro Branco, entregue em 29 de março de 2017 – mesmo dia do aniversário de 469 anos de Salvador e da assinatura da ordem de serviço para as obras da segunda etapa. Na ocasião, foi realizada a contenção de 1.682m² de área de risco utilizando a técnica de cortina atirantada, dividida em duas partes: principal e complementar. O investimento para esta ação foi de cerca de R$8,8 milhões. 

A cortina principal possui 156m de extensão, 10m de altura e 0,25m de espessura. Já as cortinas complementares possuem um total de 75m de extensão, três metros de altura e 0,25m de espessura. A execução da cortina atirantada envolveu escavação, perfuração do solo, introdução dos tirantes e telas metálicas, injeção de calda de cimento, concretagem e protensão (aumento da resistência do concreto) dos tirantes. 

Ao todo, foram 4.175m de tirantes e 590m³ de concreto. Na área restante, de 4,5 mil m², foi feito o retaludamento e execução de hidrossemeadura para proteção do terreno. Além disso, foi implantada drenagem com instalação de canaletas na crista e no pé das cortinas, junto com as caixas de drenagem. Com isso, toda a água proveniente das chuvas passou a ser encaminhada para a rede de drenagem existente na Avenida San Martin, que fica à margem do Barro Branco. Além da contenção, em ambas as intervenções, também foram implantados nova pavimentação e meio-fio. 

Balanço – Desde 2013, a Prefeitura já entregou 57 obras de contenção de encostas, incluindo as marítimas. Nove projetos estão em execução e outras 12 estão a iniciar. O investimento global é de R$ 114,2 milhões, com recursos municipais e federais. Dentre as localidades beneficiadas estão Cosme de Farias, Federação, Vale das Pedrinhas, Ladeira do Cacau, Avenida Contorno, Canabrava, São Cristóvão, Itapuã, Saramandaia, Rio Vermelho, Luiz Tarquínio, Saboeiro, Santa Mônica, Costa Azul, Estrada Velha do Aeroporto, São Caetano, Liberdade, São Tomé de Paripe, Estrada da Rainha, Fazenda Grande e São Marcos. 

Outra solução adotada pela Prefeitura para as áreas de risco são as geomantas. Desde 2015, a técnica inovadora de proteção de encostas utilizando material composto em PVC e geotêxtil já foi aplicada, sob a coordenação da Defesa Civil de Salvador (Codesal), em 115 pontos da cidade. No total, são 77 mil m² de área que trazem mais tranquilidade e segurança para os moradores, principalmente no período chuvoso, em localidades como o Conjunto ACM  (Cabula), Parque Sílvio Leal (Cajazeiras VI), 1ª Travessa João Rodrigues Mendes (Boa Vista do Lobato) e Rua da França (Sete de Abril), dentre as mais recentes.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Com um investimento de R$ 217,8 mil, a primeira geomanta grafitada será entregue pela Prefeitura na Rua Pedro Conselheiro Luiz, no Rio Vermelho, no cruzamento da antiga Coca-Cola. O evento, comandado pelo prefeito ACM Neto, acontece nesta sexta-feira (19), às 10h30, a obra que protege uma encosta de 1.391 m² e beneficia cerca de 53 famílias. Adotada desde 2016, a técnica já foi aplicada em 113 áreas de risco, compreendendo um total de 77,4 mil m², onde foram investidos pela administração municipal cerca de R$ 12 milhões.

“A geomanta é um grande avanço trazido pelo prefeito ACM Neto que, com celeridade, gera segurança e proteção através da impermeabilização, garantindo tranquilidade à população que vive em áreas de risco”, afirma o diretor-geral da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Sosthenes Macedo.

Sosthenes conta que, ao analisar algumas geomantas já aplicadas, percebeu que em determinadas situações poderia dar um pouco de cor a elas. “Conversando com alguns parceiros da Prefeitura de Salvador e de fora, vimos na grafitagem a oportunidade de 'dar vida' a algumas geomantas. Essa foi a primeira, mas pretendemos ampliar esta ação em parceria com a Fundação Gregório de Mattos”, declara.

Inspirada na paisagem do próprio bairro, o trabalho de grafitagem realizada pelo artista Bruno Wiw destaca a liberdade, o mar, a natureza, belezas características do Rio Vermelho. “É uma iniciativa muito boa porque, além da conservação, promove a parte estética da obra, além de ser mais uma oportunidade para os artistas grafiteiros desenvolverem seus trabalhos em Salvador, que é uma cidade que ainda não está tão acostumada com a arte do grafite”, afirma.

Processo - Inicialmente, a área que vai receber a geomanta é avaliada para verificar a possibilidade da instalação. Sendo aprovada, é realizada a limpeza e remoção de materiais como vegetação, lixo, restos de obra e revestimento solto. Posteriormente, é instalada a geomanta, que consiste na aplicação do material formado por um composto de PVC e geotêxtil, que é revestido com argamassa de concreto, seguida por pintura antifungos. A finalização compreende a instalação de canalhas, cerca de proteção e reconstituição da drenagem.

 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura lança nesta terça-feira (16) um programa que irá ampliar as vagas da Educação Infantil em parceria com unidades privadas de ensino. A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal de Educação (Smed), vai oferecer, já no próximo ano letivo, 10 mil novas vagas para crianças em idade de pré-escola (4 e 5 anos) não matriculadas na rede pública ou conveniada. O lançamento acontece no gramado do Parque da Cidade, no Itaigara, a partir das 9h30, em um evento repleto de crianças e com a presença do prefeito ACM Neto e do titular da Smed, Bruno Barral.  

O investimento inicial previsto no programa é de R$30 milhões, com recursos próprios do município. Em síntese, o programa irá funcionar da seguinte maneira: em um determinado bairro onde não houver disponibilidade na rede pública ou conveniada de ensino, a demanda será suprida com a contratação, pela Prefeitura, de vagas em instituições privadas de ensino previamente selecionadas e credenciadas junto à Smed. 

Durante o lançamento, todos os detalhes do programa serão apresentados pelo prefeito ACM Neto, a exemplo dos critérios para seleção das unidades privadas de ensino parceiras e dos estudantes contemplados. 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura lança nesta terça-feira (16) um programa que irá ampliar as vagas da Educação Infantil em parceria com unidades privadas de ensino. A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal de Educação (Smed), vai oferecer, já no próximo ano letivo, 10 mil novas vagas para crianças em idade de pré-escola (4 e 5 anos) não matriculadas na rede pública ou conveniada. O lançamento acontece no gramado do Parque da Cidade, no Itaigara, a partir das 9h30, em um evento repleto de crianças e com a presença do prefeito ACM Neto e do titular da Smed, Bruno Barral.

O investimento inicial previsto no programa é de R$30 milhões, com recursos próprios do município. Em síntese, o programa irá funcionar da seguinte maneira: em um determinado bairro onde não houver disponibilidade na rede pública ou conveniada de ensino, a demanda será suprida com a contratação, pela Prefeitura, de vagas em instituições privadas de ensino previamente selecionadas e credenciadas junto à Smed.

Durante o lançamento, todos os detalhes do programa serão apresentados pelo prefeito ACM Neto, a exemplo dos critérios para seleção das unidades privadas de ensino parceiras e dos estudantes contemplados.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Um dia após o início das obras no Engenho Velho da Federação, o bairro de Brotas – mais precisamente a comunidade de Pirangi – será beneficiado com a reforma de 138 casas em situação precária pela Prefeitura, dentro do programa Morar Melhor. A ordem de serviço será assinada pelo prefeito ACM Neto nesta quinta-feira (4), às 11h, na Rua Pirangi, s/n (segunda entrada após a empresa Porto Seguro, esquina com INOA).

De janeiro até o momento, 20 localidades foram ou estão sendo atendidas pela segunda etapa do programa, desenvolvido por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra) e que já melhorou a estrutura de quase 4,9 mil casas. A medida traz mais segurança e qualidade de vida aos cidadãos das áreas mais carentes de Salvador, com o resgate da cidadania e da autoestima da população residente nas áreas contempladas.

Além disso, o Morar Melhor promove também assistência técnica nas áreas de arquitetura e construção civil, oferece moradia digna às pessoas e dá oportunidade de trabalho para moradores que já atuam como pedreiro e auxiliar de pedreiro. O programa esteve presente, em 2018, nos bairros de Alto de Coutos, Castelo Branco, Ribeira (Mangueira), Sete de Abril, Boa Vista de São Caetano, Cosme de Farias, Fazenda Coutos III, Arenoso, Itinga, Daniel Lisboa, Rio Sena, Fazenda Grande do Retiro, Cajazeiras VI, Paripe, Pero Vaz, Caixa D’Água, Engenho Velho de Brotas, Engenho Velho da Federação e, agora, estará também em Brotas (Pirangi).

Critérios – A escolha dos bairros beneficiados obedece a alguns critérios sociais: são escolhidos, prioritariamente, os que têm maior predominância de domicílios com alvenaria sem revestimento; maior número de pessoas abaixo da linha de pobreza; maior densidade habitacional; maior quantidade de mulheres chefes de famílias, além da precariedade habitacional característica observada pelas equipes em campo. A definição dos serviços é feita em conjunto com o morador, observando também critérios técnicos.

Balanço - Desde 2015, o Morar Melhor já reformou casas em mais de 50 bairros de Salvador, e a meta é chegar à marca de 40 mil residências até o fim de 2020. Devido ao grande sucesso no quesito boas práticas em habitação, o programa recebeu o Selo do Mérito Especial no Fórum Nacional de Habitação e Interesse Social, em 2017. A honraria foi concedida pela Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos e pelo Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto entrega nesta quarta-feira (3), às 18h30, a nova Praça Inêz Santos Lima, localizada na Rua Ypiranga, s/n (em frente ao Clube Ypiranga), no bairro de Vila Canária. As intervenções realizadas no espaço atendem à reivindicação de moradores da região, que agora contam com um novo atrativo para diversão e lazer. 

Com área de 888 metros quadrados, a praça ganhou academias de saúde e de musculação, parque infantil e espaço game, composto por mesas para jogos, a exemplo de pingue pongue. A requalificação da praça também envolveu implantação de pergolado, piso intertravado, paisagismo, guarda-corpo em eucalipto, além de elementos de comunicação visual, iluminação em LED e acessibilidade com rampas para idosos e cadeirantes. 

 

0
0
0
s2sdefault

Fale Conosco

O seu canal de comunicação com o nosso site. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações de serviços, por favor, mande mensagem que teremos prazer em respondê-la.

Enviando...